Publicidade


dez 11

11 dezembro 2016

Panificadora D`Gustar lança vídeo institucional em Afogados da Ingazeira


Publicidade





captura-de-tela-2016-12-11-as-14-53-30Parabéns a iniciativa do empresário Nilson e sua esposa Kalline Rangel pelo lançamento do vídeo institucional da D`Gustar em Afogados da Ingazeira, a ZapVídeo e a Samburá Produções assinaram a peça publicitária.


INFORME PUBLICITÁRIO


Postado em Sertão, Vídeo | Por

dez 11

11 dezembro 2016

Resultado do Serra da Sorte deste domingo, 11 de dezembro de 2016


Vamos lá conferir mais um resultado do Serra da Sorte, agora é hora de comemorar, fazer uma festa e agradecer por ter sido contemplado, acreditou e ganhou, parabéns !

Publicidade


Postado em Sertão | Por

dez 10

10 dezembro 2016

Em Afogados da Ingazeira, Patriota, Sandrinho e vereadores são diplomados

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

O Fórum Laurindo Leandro Lemos sediou ontem (09), a cerimônia oficial de diplomação do Prefeito José Patriota, do seu vice, Alessandro Palmeira, dos vereadores e suplentes eleitos no último pleito de outubro.

A cerimônia foi comandada pela Presidente da 66ª Junta Eleitoral, a Juíza Daniele Rocha Gomes. Presentes à mesa de Honra, os Promotores Aurenílton Leão e Lúcio Luiz de Almeida; o Desembargador Cláudio Nogueira Virgínio, representando o Tribunal de Justiça de Pernambuco; o Prefeito reeleito José Patriota; além do vereador reeleito e atual Presidente da Câmara de Vereadores, Franklin Nazário.

Publicidade


Um dos momentos marcantes da cerimônia foi a diplomação do jovem vice-prefeito Alessandro Palmeira. Recebendo das mãos da Juíza Daniela Rocha, Sandrinho não conseguiu conter a emoção que o momento simbolizava.

O Prefeito José Patriota agradeceu, em sua fala, a expressiva votação que obteve e o consagrou como o Prefeito, proporcionalmente, mais votado do Estado. “Só tenho a agradecer a esse povo maravilhoso, que reconheceu as dificuldades que enfrentamos e apostou, mais uma vez, em um projeto que vem ajudando a melhorar a vida dos Afogadenses,” finalizou Patriota.

A parte musical da cerimônia ficou por conta dos músicos Júnior & Emanuel, Chagas e Josimar. Após a diplomação de todos, os convidados participaram de coquetel ofertado pela justiça eleitoral.

Prefeitura de Afogados da Ingazeira
Núcleo de Comunicação Social


Postado em Política | Por

dez 10

10 dezembro 2016

Prefeitura de São José do Belmonte repassou a segunda parcela do 13º

whatsapp-image-2016-11-17-at-22-57-23
Belmonte:Prefeitura paga 2ª parcela do 13º salário dos servidores

A Prefeitura de São José do Belmonte, efetuou nesta sexta-feira (09/12) o repasse do pagamento da segunda parcela do 13º salário de todos seus servidores. A informação foi confirmada na manhã de hoje pelo prefeito Marcelo Pereira (PR). Os proventos já foram transferidos para a agência bancária, e em breve estará nas contas de todos os servidores.

De acordo com Marcelo Pereira, “o que para muitos é apenas uma obrigação, para ele e os membros da gestão é fruto de muito planejamento, compromisso e respeito com o dinheiro público. O gestor lembra que mesmo com as dificuldades advindas da crise que assola o país, o município não parou e não deixou de cumprir com as suas obrigações, realizando obras, prestando os serviços públicos a população e pagando a folha de salários rigorosamente em dia, dentro do mês trabalhado.

A primeira parcela do 13º (décimo terceiro) 2016 já havia sido paga, também de forma antecipada. No final deste mês de dezembro ocorrerá o pagamento da última folha do ano de 2016, totalizando desta forma as 13 (treze) folhas do ano, ou seja, as folhas dos meses, mais o décimo terceiro salário, possibilitando tanto aos servidores do município, quanto ao comércio local o planejamento de suas despesas e receitas”, finalizou Pereira.

Assessoria de Imprensa


Postado em Sertão | Por

dez 9

9 dezembro 2016

IMIP promoverá Mestrado e Doutorado em Saúde Integral

pos-graduacao-imipIMIP abre inscrições para Mestrado e Doutorado

A Pós-graduação stricto sensu do Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira lançou o edital de seleção para as turmas 2017 dos cursos de Mestrado e Doutorado em Saúde Integral.

O programa dos cursos têm por objetivo a formação de pessoal qualificado, Mestres e Doutores, para o exercício das atividades de ensino superior e pesquisa e de planejamento e gestão de serviços no campo da atenção à Saúde Integral. Serão oferecidas 14 vagas para o curso de Mestrado e 6 para o curso de Doutorado, com duração de 24 e 48 meses, respectivamente.

As inscrições podem ser feitas desta segunda (12/12) a sexta-feira (16/12), das 8h às 12h, na secretaria do curso de Pós-Graduação stricto sensu em Saúde Integral do Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira, na Rua dos Coelhos, 300, bairro da Boa Vista, no Recife.

A taxa de inscrição é de R$ 370,00.

Outras informações pelo telefone (81) 2122.4122 ou pelos e-mails: mestrado@imip.org.br e doutorado@imip.org.br

Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 – Magano – Garanhuns – PE
Coordenação Geral: Dr. Gustavo Amorim
Fone: (87) 3764.9000

Imprensa:
Ronaldo Cesar Carvalho
VOX COMUNICAÇÃO


Postado em Notícias | Por

dez 9

9 dezembro 2016

Prisões de membros da Associação de Cabos e Soldados recebe solidariedade da oposição

Nota Oficial

Oposição condena prisão de dirigentes da ACS e cobra diálogo

 

A Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco condena a prisão do presidente e vice-presidente da Associação de Cabos e Soldados de Pernambuco (ACS-PE), Alberisson Carlos e Nadelson Leite, ocorridas na tarde desta sexta-feira (9), durante realização de assembleia conjunta de policiais e bombeiros militares.

Para o líder da Bancada, Silvio Costa Filho (PRB), a medida não contribui para que o Governo do Estado e os agentes de segurança cheguem um acordo. “Uma atitude autoritária só contribui para tensionar ainda mais as relações entre a categoria e o Estado, enquanto a sociedade clama para que as duas partes cheguem ao entendimento”, avaliou. Silvio lembra que, preocupada com o crescimento da criminalidade e o aumento da tensão entre a corporação e o Governo, a Oposição protocolou há dois meses pedido de audiência com o governador para discutir a segurança.

Vice-líder oposicionista, o deputado Joel da Harpa (PTN) também se posicionou contra a prisão. “A categoria estava iniciando a assembleia, portanto não se chegou sequer a falar em greve ou qualquer outra ação. O Governo, que encerrou a mesa de negociação com as associações, voltar a agir de maneira arbitrária, prendendo o presidente e vice da associação. Isso que está acontecendo em Pernambuco é inaceitável num Estado democrático de direito”, criticou.

Para os parlamentares, o momento é de se construir o diálogo, principalmente levando-se em conta que Pernambuco caminha para o terceiro ano seguido de crescimento no número dos homicídios, com aumento também dos assaltos a ônibus, ataques a bancos, roubos de veículos, entre outros crimes.

“A sociedade pernambucana não pode continuar acuada, pagando o maior de todos os impostos, o do medo. Fazemos mais uma vez o apelo pelo diálogo como forma de se buscar o entendimento. Medidas arbitrárias e a radicalização entre policiais e Estado aumentam a sensação de insegurança que já vivemos e penaliza, ainda mais, a população pernambucana”, ponderou Silvio.

Pedro Ivo Bernardes

Assessoria de Imprensa


Postado em Política | Por

dez 9

9 dezembro 2016

Compesa identifica furto de água na Adutora do Jatobá em Sertânia

ligacao-clandestina-sertaniaFoto: Ligação clandestina/divulgação

Furtos de água em adutora afeta abastecimento do município de Sertânia

Além de ligações clandestinas, dispositivos da Adutora de Jatobá foram danificados provocando estouramentos na rede

A Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) iniciou uma operação para identificar e combater as ligações clandestinas e o furto de água ao longo da Adutora de Jatobá, responsável pelo abastecimento do município de Sertânia, situado no Sertão do Moxotó. A fiscalização começou na semana passada e já percorreu 10 quilômetros da adutora, que tem ao todo 36 quilômetros de extensão, da Estação Elevatória de Cruzeiro do Nordeste até a cidade de Sertânia.

Além das ligações clandestinas, a Compesa também constatou furto de água e ainda danificados diversos registros de descargas e ventosas, dispositivos que controlam a saída de ar e eliminam a sujeira acumulada na adutora. Os dispositivos foram manuseados sem autorização para furtar água com caminhões e bombonas (pequenos reservatórios) transportadas por carros e animais.

A operação também identificou ligações clandestinas, sendo duas delas de grande porte, que estavam retirando água da adutora para barreiros e sendo destinada à criação de animais. Ainda foi encontrado um chafariz – utilizado para abastecer a população da zona rural – cuja tubulação foi danificada para abastecer caminhões. Até agora, já foram registrados dois Boletins de Ocorrência (BO).

De acordo com o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Augusto Cesar de Andrade Lima, os atos de vandalismo estão provocando o mau funcionamento das ventosas e registros de descarga da adutora e, consequentemente, o aumento do número de estouramentos na rede, contribuindo para o não cumprimento do calendário de abastecimento de Sertânia – visto que sempre é preciso suspender o fornecimento de água para realizar os consertos. Os moradores da cidade, cerca de 16,5 mil pessoas, convivem com um rodízio de cinco dias com água para 23 dias sem.

Hoje, só é possível ofertar 30% de água que a população necessita, já que o município é abastecido exclusivamente pela Adutora de Jatobá, que transporta água tratada dos poços da Fazenda Frutuoso, no município de Ibimirim, até o reservatório de Sertânia, com uma vazão de 20 litros por segundo. Devido aos furtos na rede, essa vazão caiu para 16 l/s. A situação foi agravada pelos seis anos consecutivos de seca na região, que levou os outros dois mananciais que faziam parte do sistema de abastecimento da cidade, o Açude Barra e o Açude Cachoeira, a entrar em colapso nos anos de 2012 (agosto) e 2014 (maio), respectivamente.

Assessoria de Imprensa da Compesa


Postado em Sertão | Por

dez 9

9 dezembro 2016

Governo de Pernambuco emite nota sobre greve dos policiais militares e bombeiros, Forças Armadas prontas para agir

AO POVO DE PERNAMBUCO

O Governo do Estado de Pernambuco nunca se negou a negociar melhorias salariais para os policiais militares e os bombeiros militares. Em abril de 2016, por ocasião do último acordo salarial, ficou definido que as partes voltariam a conversar em abril de 2017.

Num gesto de diálogo, no último dia 1o. de dezembro, os comandos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco convocaram as associações das duas instituições para uma nova conversa.

Ao final, foi assinado um documento por todos presentes no qual ficou definido que as associações apresentariam suas propostas, no dia 7 de dezembro, para que os comandantes tratassem de melhorias salariais para as categorias com o Governo do Estado.

Ficou acordado também um cronograma, a partir de janeiro de 2017, quando seriam realizadas reuniões periódicas entre os comandos militares das duas corporações e o Núcleo de Gestão do Governo com o objetivo de construir uma proposta a ser encaminhada à Assembleia Legislativa logo no início do ano legislativo, no mês de fevereiro.

No entanto, apenas duas horas após a assinatura desse documento, os presidentes das associações descumpriram o compromisso formal e divulgaram mensagens em áudio e vídeo, agredindo os comandantes das corporações e convocando para uma assembleia no dia 6 de dezembro de 2016. Um movimento ilegal e extemporâneo com o objetivo de pressionar o Governo.

Em assembleia realizada na frente do Palácio do Campo das Princesas, no dia 6 de dezembro, foi deliberado que os militares realizariam “operação-padrão” e abandonariam o Programa de Jornada Extra de Segurança (PJES), medida que desfalcou de forma irresponsável as operações de rotina da Polícia Militar de Pernambuco, prejudicando a população do nosso Estado.

Outra deliberação foi a realização de nova assembleia às 14h, desta sexta-feira, dia 9 de dezembro de 2016, difundindo no meio da tropa palavras de ordem que claramente ferem a hierarquia e a disciplina previstas nos regulamentos militares. Uma tentativa clara de levar a uma deliberação da tropa que poria em risco a ordem pública e a segurança de pernambucanas e pernambucanos.

Diante desse quadro, o Governo do Estado decidiu tomar todas as providências para assegurar a manutenção da ordem e da autoridade pública, a saber:

1 – Solicitação ao Presidente da República, Michel Temer, de autorização para emprego das Forças Armadas e da Força Nacional de Segurança na Garantia da Lei e da Ordem. Autorização já concedida pelo Presidente da República. O Presidente também determinou ao Ministro da Defesa, Raul Jungmann, o seu deslocamento a Pernambuco, ao lado do Estado Maior das Forças Armadas, para dar um apoio necessário.

2 – Solicitação ao Poder Judiciário da proibição da realização de assembleia destinada a deliberar sobre greve. A medida foi deferida em 7 de dezembro de 2016 pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco, em decisão proferida pelo Desembargador José Fernandes de Lemos: “se abstenham de realizar reunião, assembleia ou qualquer evento que tenha por objetivo reunir ou patrocinar a deflagração de greve de militares estaduais ou qualquer outro movimento que comprometa a prestação do serviço de segurança pública”.

3 – Desafiando o Poder Judiciário e atentando contra o Estado Democrático de Direito e os regulamentos militares da Polícia Militar de Pernambuco, foram presos em flagrante, na tarde desta sexta-feira, integrantes das associações, pela prática de crime militar.

O Governo de Pernambuco não aceitará o desrespeito à hierarquia e a quebra do código disciplinar da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar.

Por fim, o Governo vem tranquilizar a população de Pernambuco de que fará o que estiver ao seu alcance para manter a segurança e a ordem públicas. O Brasil passa por uma crise sem precedentes e agir para criar intranquilidade à população do nosso Estado não honra a história dos integrantes da Polícia Militar de Pernambuco e do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco.

Governo do Estado de Pernambuco

logo-imprensa


Postado em Notícias | Por

dez 9

9 dezembro 2016

Presépio da Praça Arruda Câmara em Afogados da Ingazeira invade redes sociais

2016-12-09-photo-00000545

Presépio já embeleza Praça Arruda Câmara

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira apresentou na noite de ontem (08), uma novidade para a decoração natalina deste ano: um presépio. Confeccionado em madeira pelo artista plástico Luciano Pires, o presépio conta com iluminação especial, em várias cores e tonalidades, realçando a sua beleza.

As demais peças de decoração já estão instaladas na Praça Arruda Câmara e Avenida Rio Branco. A maior parte é de peças já utilizadas o ano passado, com material reciclado recolhido pelos alunos da rede municipal de ensino, 30 mil garrafas PET. As peças incluem velas, Papai Naugl, boneco de neve, árvore de natal, e foram confeccionadas por mulheres artesãs, selecionadas pela Secretaria de Assistência Social, e capacitadas pelo IPA.

Os acréscimos, como os presentes na base da árvore de natal e demais estruturas de iluminação, ficaram ao encargo do ex-secretário adjunto de cultura, César Tenório, que também ficou encarregado pela instalação das demais peças.

DOMINGO (11) – a iluminação e decoração natalinas serão inauguradas pelo Prefeito José Patriota, logo após a missa dominical, na Praça Arruda Câmara, às 20h.

Prefeitura de Afogados da Ingazeira
Núcleo de Comunicação Social


Postado em Sertão | Por

dez 9

9 dezembro 2016

Senador Armando Monteiro diz que governo de Pernambuco ignorou alertas de especialistas sobre a seca

armando-monteiroArmando acusa Governo do Estado de não se antecipar à Seca

O senador Armando Monteiro (PTB-PE) acusou, nesta quinta-feira (8) o Governo do Estado de não haver se preparado adequadamente para enfrentar a Seca em Pernambuco, considerada a pior dos últimos 60 anos. Em discurso no plenário do Senado, enfatizou que “faltaram pró-atividade e capacidade de antecipação ao quadro de colapso” provocado pela estiagem, sobretudo no Agreste.

Segundo Armando, o governo estadual ignorou os alertas de especialistas que, ainda em 2012, apontavam que estava se avizinhando um período de seca mais severa do que no biênio 1983-84. Disse que, apesar do alto grau de vulnerabilidade do Agreste a estiagens, pela alta densidade demográfica e pela natureza das suas atividades produtivas e inexistência de reservas subterrâneas, somente agora, depois dos efeitos econômicos e sociais “devastadores” da seca, o governo local está tomando providências e com resultados apenas a partir do próximo ano.

“O Governo do Estado tinha alternativas. Ou se prepararia para assumir, com aportes de recursos, a obra da Adutora do Agreste e assim contribuiria para sua conclusão, ou buscaria outras opções, que somente agora estão sendo providenciadas, em caráter emergencial, depois de se constatar a crise de abastecimento d´água e de se assistir a graves perdas econômicas”, assinalou.

O senador petebista salientou que ficará apenas para 2017 a conclusão de obras como a Adutora do Pirangi, financiada pelo Banco Mundial, a perfuração de poços profundos em Tupanatinga e a construção do sistema Adutor do Moxotó, que dependem de recursos do governo federal, cuja liberação anunciou que irá cobrar. “Até lá, infelizmente, o sofrimento da população continuará, como admitiu o presidente da Compesa, Roberto Tavares”, acrescentou.

Perdas dramáticas – Armando Monteiro listou, no seu discurso, algumas das perdas econômicas provocadas pela seca, que classificou como “dramáticas”, especialmente no Agreste:

queda de 9,2% no PIB da agropecuária no primeiro semestre, comparativamente a igual período de 2015;
redução de 25% na produtividade da bacia leiteira, que caiu de 2,5 milhões para 1,4 milhão de litros diários de leite, enquanto a produção de queijo diminuiu para menos da metade, de 40 mil quilos/dia para 18 mil;
fechamento de 40% das lavanderias usadas na produção de jeans do polo de confecções, cuja produção, de 720 milhões de peças em 2015, cairá em 20 milhões de peças este ano, pela escassez de água;
desativação de vários aviários, cuja atividade necessita de 700 carros pipa diariamente;
nada menos do que 25 dos 71 municípios do Agreste dependem exclusivamente, para acesso à água, de carros pipa, cujo preço dobrou, pulando de R$ 150 para R$ 300 cada.

José Accioly
Assessoria de Imprensa Senador Armando Monteiro (PTB)


Postado em Política | Por

Página 22 de 516« Primeira...10...2021222324...304050...Última »