Publicidade


mar 22

22 Março 2018

Venda de produtos de agroindústria financiada pelo ProRural fortalece grupo de mulheres do Agreste


Publicidade



Para as mulheres boleiras do Assentamento Normandia o trabalho tem um significado maior do que empreendimento e lucratividade. Em um espaço da agroindústria financiada pelo Governo de Pernambuco e Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, através do ProRural, as mulheres se encontram para cozinhar bolos e pães, mas além disso, se juntam para falar de assuntos de saúde, cultura, moda, beleza, entre outros, que enriquecem mais a autoestima e melhora a qualidade de vida das agricultoras do que visam o ganho financeiro. 

 

O grupo de oito mulheres foi formado a partir de uma necessidade da Associação dos Trabalhadores Rurais do Assentamento Normandia, localizado na BR 104, em Caruaru, para atender uma demanda do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) do município no fornecimento de bolos para a merenda das escolas. Hoje têm contrato para entrega de 10.100 quilos de bolos para a Secretaria de Educação da cidade e já abrem novos mercados, que agregam até R$450,00 de renda extra com a venda de bolos.

Para uma das mulheres da associação, Mauricéia Matias, as profissionais são muito mais do que um grupo de boleiras. “Somos um grupo de mulheres que tratamos de assuntos de mulher, inclusive de ganhar dinheiro. Todas nós temos outra renda, mas aqui tem gente que cura até depressão”, diz Mauricéria.  Ela lembra ainda que o grupo tem mulher de mais de 70 anos, assim como de 20 anos, que se encontram mensalmente para dividir mais do que trabalho e lucro, mas para tratar da vida.

O espaço das mulheres da Normandia não se restringe a produção de bolos. Dos 38 trabalhadores da agroindústria, 23 são mulheres. Elas ajudam a processar aproximadamente 150 toneladas/ano de alimento (carnes e tubérculos), que são fornecidos para 177 escolas de 39 municípios do Agreste e Zona da Mata Sul. Com o trabalho em regime de diárias, onde recebem R$ 50,00/dia, chegam a receber mais de R$ 1mil por mês. O projeto, orçado em R$ R$ 359.849,00, e financiado pelo Projeto Pernambuco Rural Sustentável (PRS), com verba do acordo de empréstimo com o Banco Mundial, já movimenta R$ 5 milhões por ano.

Novos Mercados

Com a colaboração do Grupo de Consumo Responsável Fruto da Terra, os produtos das boleiras de Normandia chegaram aos consumidores do Recife. A cada 15 dias, elas e mais seis agricultores da região Agreste montam barracas na Universidade Católica de Pernambuco para vender os produtos que vêm direto da agricultura familiar para o consumidor.

A ideia do grupo de consumo, hoje formado por aproximadamente 60 pessoas entre voluntários e consumidores, é contribuir para a comercialização baseada na autogestão, na produção agroecológica e do comércio justo, responsável e consciente. Assim, cada produtor chega à feira com a maior parte da produção já vendida e com o apoio dos parceiros (UFRPE, IPA, Instituto Humanitas), vende cem por cento do que trazem do campo para comercializar na capital.

Segundo o professor da Universidade Federal Rural de Garanhuns, Caetano De`Carli, trabalhar a comercialização de produtos da agricultura familiar foi uma demanda do Fórum de Desenvolvimento Local do Agreste de Pernambuco, e com o Grupo de Consumo, hoje já são vendidas 10 cestas com produtos em cada feira, o equivalente a R$1.500, que representa apenas vinte por cento dos produtos trazidos pelos agricultores. “Eles vendem tudo o que trazem e ainda há mercado para mais”, enfatiza.

Serviço: Encomendas com o grupo de boleiras e demais agricultores através dos contatos:
Normandia: BR 104, 2º Distrito de Caruaru, em frente ao Parque Milano, fone: (81) 9.9499.3040
Grupo Fruto da Terra: cirandas.net/frutodaterragrupofrutodaterra@gmail.com ou pelo fone: (81) 9.9449.1172


Postado em Notícias | Por

mar 22

22 Março 2018

Olha! Recife – Domingo e Quarta. Inscrições na sexta

Olha! Recife a pé

Domingo 25/03/2018

Saída: Parque da Jaqueira (capela) às 09h

 

O Olha! Recife a pé deste domingo fará uma caminhada pela Avenida Rui Barbosa, uma das principais avenidas da cidade. A artéria é recheada de casarões e palacetes, remanescentes das velhas residências e casas de veraneio do século XIX, que povoaram as margens do Rio Capibaribe. Saindo do Parque da Jaqueira, os participantes poderão ver ali o Solar da Jaqueira (casa que pertenceu a uma das filhas do Barão Rodrigues Mendes), a Academia Pernambucana de Letras, Colégio Damas e sua capela neogótica, a estação Ponte D’Uchoa, Jardim do Baobá, Mansão de Henry Gibson, palacete do Museu do Estado, Palácio dos Manguinhos e outras elegantes construções, encerrando a caminhada no Jardim do Baobá. As inscrições abrem na sexta-feira a partir das 09h através do site www.olharecife.com.br

 

Olha! Recife a pé

Quarta-feira 28/03/2018

Saída: Praça do Arsenal às 14h

Circuito Barroco

Publicidade


 

Na quarta-feira (28), em razão da semana santa, o Olha Recife a pé fará um circuito por alguns dos mais significativos templos históricos do centro da cidade, que possuem rica simbologia e cerimônias neste período, como a secular procissão dos passos, que completou em 2018 364 anos de existência. No passeio será possível observar a simbologia barroca presente nas talhas, pinturas e conjuntos de imagens, que dialogam com a história da cidade e a memória afetiva de seus moradores, sendo também os mais ricos repositórios de arte do Brasil colonial. No roteiro, estão a igreja da Madre de Deus e a Catedral de São Pedro dos Clérigos, recém aberta depois de cinco anos fechada para restauração, entre outras. As inscrições abrem na sexta-feira a partir das 09h pelo site do projeto. As inscrições abrem na sexta-feira a partir das 09h através do site www.olharecife.com.br

 

Karina Ferreira

Gerente de Relações com a Imprensa

Postado em Notícias | Por

mar 22

22 Março 2018

Armando preserva política da Sudene ao derrubar projeto em Comissão do Senado

O senador Armando Monteiro (PTB-PE) liderou a derrubada na quarta-feira (21), na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), de projeto de lei relatado pelo senador Aécio Neves (PSDB-MG) que distorcia a política de incentivos fiscais da Sudene. O projeto incluía, na sua área de atuação, 84 novos municípios de Minas Gerais e do Espírito Santo, abrindo precedente para inserir na abrangência da autarquia municípios de regiões mais desenvolvidas do que o Nordeste. Foi vetado por 11 votos a 9.
“Se aprovássemos este projeto, o que dizer de outras 13 proposições que tramitam no Congresso Nacional pretendendo incluir muito mais municípios? Se essa moda pega, vamos criar uma situação em que os incentivos da Sudene,  que já são limitados, se estenderiam às regiões mais desenvolvidas do País. Isso é um paradoxo”, declarou Armando.
O senador pernambucano acompanhou diretamente o projeto, oriundo da Câmara dos Deputados, por três sessões consecutivas da CCJ. Na primeira, em 21 de fevereiro, pediu vistas, adiando a votação para a semana seguinte, quando, diante do risco de derrota, Aécio Neves solicitou sua retirada de pauta. O projeto foi colocado novamente em votação ontem e Armando liderou o movimento contrário à sua aprovação.
DESFIGURAR – Armando usou dois argumentos principais. Alegou, em primeiro lugar, que o PIB per capita dos 84 municípios propostos é 19% superior ao dos municípios mineiros que já integram a área da Sudene. Declarou que a listagem incluía municípios como Governador Valadares e, no Espírito Santo, Aracruz, que têm melhor infraestrutura e capital humano e são próximos dos mercados consumidores.
“Onde o empresário que quer incentivos da Sudene e empréstimo do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste, o FNE, iria colocar seu projeto? Em Governador Valadares ou Aracruz, naturalmente, em vez de municípios de Pernambuco, Paraíba ou Rio Grande do Norte”, salientou.
Informou, em seguida, que os 13 projetos de lei em tramitação no Senado e na Câmara dos Deputados propondo a inclusão de uma profusão de municípios na área da Sudene abarcam desde municípios do Rio de Janeiro e do Espírito Santo inteiro até todos aqueles com menos de 10 mil habitantes fora das áreas da Sudene e da Sudam.
“A política de incentivos fiscais da autarquia, que prioriza o Nordeste, seria gravemente desfigurada”, acrescentou Armando. Enfatizou que sua posição contrária à iniciativa “não é egoísta e muito menos tem viés regionalista estreito”, mas visa sobretudo preservar o papel da Sudene de atenuar os desequilíbrios regionais.
Foto: Ana Luiza Sousa/Divulgação

 

José Accioly
Assessoria de Imprensa Senador Armando Monteiro (PTB)

Publicidade


Postado em Política | Por

mar 22

22 Março 2018

Secretário Wellington Batista participou do 11º Fórum dos Gestores da Agricultura Familiar do NE e Minas Gerais

           


Publicidade

O secretário de Agricultura e Reforma Agrária de Pernambuco (SARA), Wellington Batista, participou nesta quinta-feira(22/03) da abertura da 11ª Reunião do Fórum Regional dos Gestores Responsáveis pelas Políticas de Apoio à Agricultura Familiar do Nordeste e Minas Gerais. O encontro, que acontece até amanhã (23/03) em Fortaleza, Ceará, visa discutir ações e projetos relacionados a agricultura familiar e a segurança hídrica.

Neste primeiro evento de 2018, o Fórum reuniu secretários das pastas ligadas à agricultura familiar, além de presidentes da Emater (Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural), governadores, técnicos, movimentos sociais e estudiosos da área rural.

Criado em 2015, o evento segue em seu terceiro ano de atividades, após percorrer os dez estados no seu primeiro ciclo de debates. “ O fórum, de extrema importância, é um espaço de diálogo com os gestores públicos do Nordeste, organismos internacionais, movimentos e sindicatos, que visa discutir a conjuntura da agricultura na região e a ampliação das parcerias e políticas públicas implementadas”, falou o secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista.

Esta edição foi executada pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), com apoio do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), Programas de Gestão do Conhecimento para zonas do Semiárido do Nordeste (Projeto Semear, Fida, IICA). Também contou com a presença de órgãos internacionais BIRD, secretários do Nordeste e Minas, presidente da Contag e movimentos Sociais.


Postado em Notícias | Por

mar 22

22 Março 2018

Caravana do Diagnóstico Precoce do Câncer Infantil chega a Riacho das Almas

Capacitação ministrada pelo Icia foi voltada para profissionais de saúde, representantes das Secretarias de Saúde e Educação e conselheiros tutelares

A Secretaria de Saúde de Riacho das Almas em parceria com o Instituto do Câncer Infantil do Agreste – Icia realizou na manhã desta quinta-feira (22) a Caravana do Diagnóstico Precoce do Câncer Infantil. O evento foi voltado especialmente para os profissionais de saúde da Atenção Básica do município: médicos, agentes comunitários de saúde, enfermeiros e técnicos em enfermagem. No entanto, também participaram do encontro representantes das secretarias de Saúde, Educação e conselheiros tutelares.

A caravana teve como objetivo alertar os profissionais sobre os sinais e sintomas do câncer infanto-juvenil, e esta é a primeira vez que o encontro está sendo realizado em Riacho das Almas. “Algo corriqueiro pode ser câncer, e é extremamente importante esse trabalho do Icia para capacitar nossos profissionais a identificar esses sinais e sintomas para o tratamento correto porque a gente sabe que quando há o diagnóstico precoce, a condição de cura é muito mais eficiente”, ressaltou a secretária de saúde de Riacho das Almas Scheyla Gonçalves.

As palestras foram ministradas pelo idealizador do Icia, o oncologista pediátrico Luiz Henrique Soares, pela nutricionista residente em atenção ao câncer Audeangela Sobral, pela dentista Sarah Rachel e pela enfermeira Laís Ramos. Foram abordadas as formas de diagnosticar o câncer em crianças e adolescentes, a importância do acompanhamento nutricional durante o tratamento quimioterápico, as lesões bucais que os tratamentos contra o câncer podem causar e a abordagem em enfermagem que deve ser dada aos pacientes.

“O diagnóstico precoce é a principal arma para a cura, e a atenção básica dos municípios tem papel fundamental nisso. Por isso é importante falar sobre os fatores que atrasam o diagnóstico, porque a gente entende que todos são corresponsáveis neste processo”, explicou o oncologista idealizador do Icia Luiz Henrique Soares.

De acordo com o Instituto, o tipo de câncer mais comum entre as crianças é a leucemia. Os sintomas da doença são perda de peso, febre prolongada, ínguas e manchas rochas pelo corpo.

Prioridade no atendimento – Durante a caravana, foi pactuado que os pacientes do município de Riacho das Almas terão prioridade nos encaminhamentos, exames e atendimentos no Icia. O encaminhamento pode ser feito pelos profissionais de saúde da atenção básica após regulação da Secretaria de Saúde.

Prefeitura de Riacho das Almas

Assessoria de imprensa


Postado em Notícias | Por

mar 22

22 Março 2018

Compesa desenvolve ações educativas no Dia Mundial da Água

Como usar a água que se tem disponível de forma sustentável e o que cada pessoa pode fazer para preservar os recursos hídricos foi a reflexão feita pelos estudantes que visitaram o Universo Compesa nesta quinta-feira (22), no Dia Mundial da Água. O espaço interativo, digital e educativo mantido na sede da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), em Santo Amaro, recebeu 400 alunos da rede pública de ensino da Região Metropolitana do Recife, hoje e ontem, por meio de uma parceria da companhia com o Espaço Ciência e a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco. A visita integra um roteiro especial sobre a água, que combinou atividades educativas nos dois locais, no Espaço Ciência e no Universo Compesa. Amanhã (23), a companhia aguarda a visita de mais 200 estudantes dentro das celebrações do Dia Mundial da Água.

Estações multimídias, telões e maquetes em 3D de navegação simples e interativa mostram como funcionam os sistemas de abastecimento de água e de coleta e tratamento de esgoto, além de dicas de economia de água. Hoje, os alunos do 1º ano do ensino médio da Escola Estadual Alfredo Freire, no bairro do Arruda, e da Escola Erundina Negreiros, no Córrego do Jenipapo, viveram essa experiência. Também conheceram o Universo Compesa, os alunos do ensino fundamental da Escola Rubenita de Lima Cavalcanti, em Artur Lundgren II, Paulista, e da Escola Joana Sena, que fica em Aguazinha, Olinda. “Onde eu moro, a gente não tem água todo dia. Então, a gente aprendeu que pode usar a água que lavou a roupa para limpar o carro e a calçada. A água limpa a gente economiza para outras coisas”, disse Eduarda da Silva, de 11 anos.

No interior do estado, a Compesa promoveu ações educativas sobre a importância da preservação e do uso consciente da água. Em Caruaru, atividades com circuito de jogos educativos e uma oficina de plantação de mudas foram realizadas na Praça da Conceição, no marco zero da cidade. “Esse trabalho é de extrema importância para a formação de multiplicadores das informações que passamos sobre como preservar nossas fontes hídricas e contribuir para o consumo consciente da água”, ressalta Lívia Clemente, assistente social da Compesa. No Parque Euclides Dourado, em Garanhuns, centenas de pessoas participaram de jogos educativos e socioambientais que abordaram a temática da preservação da água, e também da oficina de plantação de mudas. No local, a Compesa ainda montou uma exposição sobre o trabalho de preservação e recuperação de nascentes existentes no município.

A programação de celebração do Dia Mundial da Água continua até o final do mês. No domingo (25), acontecerá um grande evento no Parque da Jaqueira, no bairro das Graças, Zona Norte do Recife. O público poderá participar das atividades, que acontecerão no Econúcleo da Jaqueira, das 13h às 17h. Além de um circuito de jogos educativos, uma maquete virtual apresentará o funcionamento de uma Estação de Tratamento de Água, além de dicas de uso racional da água. No Recife, ainda haverá outra importante mobilização no dia 27 de março, no Complexo do Instituto de Educação de Pernambuco (IEP), no bairro de Santo Amaro, com a participação de três escolas estaduais – Sizenando Silveira, Sylvio Rabelo, Waldemar de Oliveia e Rochael de Medeiros. As atividades acontecerão no horário das 9h às 15h. Na Ilha de Fernando de Noronha, a companhia  promove ações educativas e de sensibilização em escolas, estabelecimentos comerciais e rede hoteleira, entre os dias 26 e 29 de março.

 

Colaboração da Assessoria


Postado em Notícias | Por

mar 22

22 Março 2018

Prefeitura de Petrolina registra nova queda na poluição do Rio São Francisco


No Dia Mundial da Água, o prefeito Miguel Coelho anunciou uma excelente notícia para os moradores do Vale do São Francisco. Após uma análise realizada neste mês pela Agência Municipal de Meio Ambiente (AMMA), foi registrado o aumento do nível de oxigênio nas águas do “Velho Chico”, o que representa menos poluição e melhoria para o ecossistema da região. A notícia foi dada pelo prefeito, na manhã desta quinta (22), durante o ato de lançamento de 50 mil peixes na Orla I, em Petrolina.

Segundo a AMMA, o nível de oxigênio diluído nas águas do rio, no trecho da orla petrolinense, subiu de 8,1 mg/L para 10,9 mg/L, representando uma melhoria de 36% em relação à última avaliação ocorrida em maio do ano passado. É o segundo avanço significativo detectado pelo técnicos ambientais da Prefeitura, por consequência do programa Orla Nossa, que tem promovido a revitalização do Velho Chico. Na primeira comparação, em maio, o nível de oxigênio havia subido de um índice crítico de 1,3 mg/L para 8,1 mg/L. O resultado representa um alívio para o Rio São Francisco, já que o Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) considera satisfatório um índice de 6,0 mg/L.

Miguel comemorou o bom desempenho na análise e garantiu que as ações do programa Orla Nossa serão intensificados no Velho Chico e suas margens. “De abril do ano passado para cá, estamos fazendo o maior programa municipal de preservação do Rio São Francisco. Saímos de uma condição crítica, melhorando em quase 800% a oxigenação das águas. Esses dados, portanto, mostram que valeu à pena o enorme esforço que tem sido feito. Mas é importante manter as ações e envolver as demais cidades e governos no processo de revitalização do rio e da mata ciliar”.

Ao longo da manhã, além do anúncio da melhoria na qualidade da água do Rio São Francisco, a Prefeitura de Petrolina, Marinha, Univasf e Codevasf promoveram atividades em comemoração ao Dia da Água. Mais de 80 alunos de escolas municipais promoveram o repovoamento do Velho Chico com o lançamento de 50 mil alevinos de espécies nativas da Caatinga, como o piau e pacamã. “O São Francisco é um patrimônio que deve ser preservado para as próximas gerações. Envolver as crianças nesse processo de preservação é fundamental para que as ações que estamos fazendo atualmente sejam mantidas no futuro e a população abrace a proteção de nosso meio ambiente”, defendeu o prefeito.

​FOTOS: Jonas Santos​
Junior Vilela
Assessor de Imprensa do prefeito Miguel Coelho

 


Postado em Sertão | Por

mar 22

22 Março 2018

PCR leva Mutirão Veterinário nos Bairros para o Alto José do Pinho neste sábado

Cerca de dez veterinários da Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais estarão disponíveis para realização de consultas clínicas e vacinação contra raiva para cães e gatos

A Prefeitura do Recife realiza, neste sábado (24), a 36ª edição do mutirão de serviços Veterinário nos Bairros na Escola Estadual Dona Maria Tereza Corrêa, no Alto José do Pinho. Cerca de dez veterinários da Secretaria Executiva dos Direitos dos Animais (Seda) estarão disponíveis para realização de consultas clínicas e vacinação contra raiva para cães e gatos da área, numa parceria com o Centro de Vigilância Ambiental (CVA) da Secretaria de Saúde do Recife.

O atendimento gratuito dos caninos e felinos do Recife, que acontecerá das 9h às 12h, inclui também, se necessário, aferição de pressão arterial e vermifugação dos animais. Também serão dadas orientações sobre os principais cuidados com os cães e gatos, os direitos dos animais e os deveres dos tutores.

Mesmo tendo ganho o Hospital Veterinário do Recife (HVR) desde junho, os donos de cachorros e gatos do Recife continuam podendo contar com esse atendimento descentralizado que beneficia, sobretudo, a população de baixa renda. Nos mais de 30 mutirões gratuitos organizados pela Seda desde 2014, já foram realizadas mais de seis mil consultas clínicas.

ADOÇÃO – Também neste fim de semana, a Seda e o Shopping Recife promovem uma feira de adoção de animais na área externa do estacionamento do centro de compras, localizado em Boa Viagem, na tarde do próximo domingo (25). Das cem vagas disponibilizadas para cachorros e gatos desde a última segunda (19), ainda restam cerca de 20 vagas para inscrição de cães para adoção.Os interessados em inscrever cachorros para o 28º evento de adoção organizado pela Seda têm até a manhã desta sexta-feira (23), até 12h (a menos que as vagas acabem antes), para enviar e-mail para adocaoseda999@gmail.com. Cem vagas estão sendo disponibilizadas.

Para participar da feira de adoção, os caninos e felinos precisam estar saudáveis e ter tomado pelo menos a primeira dose da vacina polivalente. Quem solicitar a inscrição terá que responder a um questionário com informações sobre o animal e precisará acompanhá-lo durante o evento, que será das 13h às 17h. O limite de inscrição é de dois animais por pessoa.

Já para adotar os cães e gatos, é necessário ter mais de 18 anos, apresentar documento de identificação com foto e comprovante de residência, passar por uma breve entrevista e assinar um termo de responsabilidade. Veterinários da Seda estarão no local para prestar orientações para os novos tutores sobre guarda responsável, vacinação, vermifugação, castração e cuidados com higiene e alimentação. Desde 2013, quando a Prefeitura do Recife começou a realizar a feira de adoção de animais, cerca de mil caninos e felinos ganharam novos lares.

Serviço: PCR leva Mutirão Veterinário nos Bairros para o Alto José do Pinho neste sábado

Quando: Sábado (24/03), das 9h às 12h

Onde: Escola Estadual Dona Maria Tereza Corrêa – Rua Maragogi, s/n°, Alto José do Pinho.

Fotos: Andréa Rêgo Barros/ArquivoPCR

Sofia Costa Rêgo
Assessora de Imprensa


Postado em RECIFE | Por

mar 22

22 Março 2018

Governo de Pernambuco fortalece políticas públicas de combate ao preconceito racial

Governador Paulo Câmara assinou, nesta quarta-feira, decreto que instala o Programa de Combate ao Racismo Institucional no âmbito estadual
Visando fortalecer ainda mais as políticas públicas de combate ao preconceito e à discriminação racial no âmbito estadual, o governador Paulo Câmara assinou, nesta quarta-feira (21.03), o decreto nº 45.763, de 21 de março de 2018, que institui o Programa de Combate ao Racismo Institucional – PCRI. A medida tem como objetivo contribuir para erradicação das iniquidades raciais, colaborando na formulação, implementação, avaliação e monitoramento de políticas efetivamente equitativas dentro das diversas regiões. Os primeiros trabalhos buscarão resgatar e intensificar ações de enfrentamento ao racismo desenvolvidas nos últimos anos, resgatando também a autoestima dos servidores. O conjunto de ações da PCRI foi apresentado à sociedade nesta tarde, em solenidade no Palácio do Campo das Princesas, no Recife.
 
“É um trabalho que já estava dentro do planejado, das orientações que o Conselho Estadual da Igualdade Racial propõe. Não podemos permitir que práticas de racismo, de atentados à violência contra a mulher, contra a liberdade, contra a justiça e a democracia continuem a acontecer. Então, esse decreto é mais um avanço que consolida passos importantes em favor realmente de uma política pública que combata qualquer tipo de discriminação racial no nosso Estado, principalmente no âmbito institucional”, destacou o governador Paulo Câmara, completando: “A gente tem que promover cada vez mais políticas públicas que cheguem a todos, que sejam orientativas também para as futuras gerações, por isso que é tão importante a participação dos estudantes, das escolas nesse processo”.
 
O programa pretende também atuar nas mudanças de comportamentos, atitudes e práticas institucionais que determinam o atendimento discriminatório das pessoas, resultantes de preconceito inconsciente, ignorância, falta de atenção ou estereótipos racistas. Entre as linhas de ação do PCRI estão: sensibilização, formação e capacitação para todos os gestores e servidores públicos do Estado de Pernambuco; sensibilizar dirigentes e gestores públicos do Estado quanto à existência de práticas institucionalizadas de racismo; e a formação de equipes técnicas capacitadas para identificação e abordagem do Racismo Institucional nas Secretarias e Autarquias do Poder Público Estadual.
 
Para o secretario estadual de Justiça e Direitos Humanos (SJDH), Pedro Eurico, a implantação do PCRI vem para consolidar planos e projetos iniciados desde 2015. “Esse ato de hoje reafirma o nosso compromisso com o direito à liberdade do povo, com o combate à iniquidade e à intolerância. Ações que já eram observadas desde início do presentes na gestão do governador Paulo Câmara”, disse. O líder do Governo na Assembleia Legislativa, o deputado Isaltino Nascimento frisou o pioneirismo de Pernambuco no setor. “Passamos a ser um dos primeiros Estados do Brasil a ter um programa de nível estadual de política pública como o PCRI, sendo o primeiro Estado do Norte/Nordeste do Brasil a ter um programa que estabelece o combate ao racismo institucional. E isso é motivo de muita comemoração”, comemorou.
 
O PCRI também tem a função de monitorar a execução do Plano Estadual de Igualdade Racial; estimular a participação da sociedade civil na efetivação do PCRI em especial “População Negra, Povos e Comunidades Tradicionais” nas instâncias formais e informais de controle social das Políticas Públicas; e garantir uma linha orçamentária específica incluída no Plano Plurianual (PPA) das Secretarias e Autarquias Estaduais para implantação do PCRI. “Esse decreto não será importante somente para os negros, mas para todos os pernambucanos. O Lamento Negro tem uma grande importância porque representa a autoestima e o empoderamento das negras e negros pernambucanos. E esse ato de hoje reafirma isso”, declarou Maia, o presidente do Bloco Afro Lamento Negro, de Peixinhos, que realizou uma apresentação durante a solenidade de assinatura do decreto que instituiu o PCRI, no Salão das Bandeiras, no Palácio do Campo das Princesas.
 
Representando as religiões de raízes africanas e o Conselho Estadual de Promoção de Igualdade Racial, mãe Verônica comemorou a concretização do que, segundo ela, seria “mais um passo para o engrandecimento da luta contra o racismo em Pernambuco”. “O olhar voltado à política de promoção de igualdade racial tem ocupado um lugar expressivo no cenário estadual. Estamos acompanhando e levando as demandas dos movimentos, discutindo as propostas e as resoluções, como também monitorando as ações desenvolvidas. Hoje, com a assinatura desse decreto, nossa luta ganha ferramenta imprescindível na luta contra o racismo. Como meta para 2018, vamos continuar monitorando e cobrando a implementação deste programa”, enfatizou.
 
GRUPO DE TRABALHO – Desde 10 de dezembro de 2015, através do decreto nº 42.480, foi instituído o Grupo de Trabalho para elaboração do PCRI no Estado. Desde o início de 2016, a Secretaria Executiva de Segmentos Sociais através da Coordenadoria de Igualdade Racial de Pernambuco, vem realizando reuniões com o Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial – COEPIR-PE, Escutas dos Povos e Comunidades Tradicionais (Matriz Africana e Ciganos), observância dos Movimentos Sociais Negros. Além disso, foram realizadas reuniões do Fórum Estadual de Gestores da Política de Igualdade Racial-FOGEPIR, totalizando 10 reuniões entre a Sociedade Civil e Poder Público.
 
Fotos: Aluisio Moreira/SEI

Postado em RECIFE | Por

mar 22

22 Março 2018

Detran realiza ações educativas de trânsito em Nova Jerusalém

 

Começa amanhã (23) e vai até 31 de março, quando é encerrado o feriadão da Semana Santa, as ações do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, em parceria com o Departamento de Estrada e Rodagem – DER, quando estarão realizando ações educativas no município do Brejo da Madre de Deus, no Agreste de Pernambuco onde acontece a encenação da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém. Devido ao evento, a cidade, as BRs e PEs do entorno recebem grande fluxo de veículos de todas as regiões do estado e país.

Durante o período, das 15 às 19h, técnicos da Coordenadoria de Educação de Trânsito estarão realizando blitz’s educativas, acompanhados dos agentes da Operação Trânsito Seguro, Rota de Fuga e artistas educadores da Turma do “Fom-Fom”. Serão abordados motoristas e motociclistas que receberão orientações sobre os principais cuidados para evitar acidentes, além da distribuição de folders educativos e bafômetros descartáveis.

Ainda durante os dias de evento os técnicos de educação irão abordar os motoristas dos ônibus e carros que ficam estacionados próximo ao Teatro, distribuindo também os materiais educativos produzidos pelo Órgão. Os bares da localidade serão ainda outro ponto de ação, onde o público será conscientizado a respeito do perigo da mistura do álcool e direção e receberão bafômetros descartáveis.

De acordo com o diretor presidente do Detran, Charles Ribeiro, por determinação do governador Paulo Câmara, o órgão vem investindo na educação no trânsito para atuar de forma preventiva. “Nosso foco é sempre na prevenção de acidentes, principalmente no período de festividades e feriados, que só torna possível quando é atrelado a fiscalização prévia e a educação, o que estimula a boa conduta do motorista no trânsito”, destaca.

Ribeiro lembra ainda que, este ano uma Unidade do Detran Itinerante – UDI, estará estacionada em frente ao maior teatro ao ar livre do mundo. A unidade consiste em um caminhão adaptado para realizar o atendimento com os serviços, conta com três guichês de atendimento, ar-condicionado, gerador próprio, computadores e plataforma elevatória para pessoa com deficiência. O usuário que procurar a UDI vai contar com os seguintes serviços de Histórico de Nada consta de Multas; Informação de Pontuação na CNH; Consulta de débitos de veículos; Informação de Comunicação de Venda; Emissão de Taxas; Consulta de gravame; Atualização de endereço; e Agendamento de serviço.

Jô Lima – DRT/PE 1443
Assessora de Imprensa e Publicidade Institucional


Postado em Notícias | Por

Página 32 de 981« Primeira...1020...3031323334...405060...Última »