Publicidade


out 31

31 outubro 2018

Senador Armando Monteiro diz que fusão adotada por Bolsonaro não deu certo no governo Collor

Publicidade


Armando avalia como erro fusão de ministérios: “O Brasil não precisa de um czar na economia”

 

Senador critica extinção da Indústria e Comércio e avalia que “superministério foi adotado no governo Collor e não deu certo”

O senador Armando Monteiro (PTB) avaliou como um erro do governo eleito a ideia de criar o superministério da Economia, fundindo Fazenda, Planejamento e Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic). Líder empresarial respeitado em todo o país e ex-ministro da Indústria, Armando criticou as declarações sobre o setor produtivo feitas pelo futuro ministro da Economia, Paulo Guedes. Na avaliação do senador pernambucano, a fusão dos ministérios da Agricultura e Meio Ambiente é uma medida “extravagante”, além de afirmar que as mudanças não trarão economia aos cofres públicos. Veja abaixo os principais trechos da entrevista concedida por Armando ao programa de Geraldo Freire, na Rádio Jornal, do Recife, na manhã desta quarta-feira (31):

Sobre declarações de Paulo Guedes

“Eu responderia dizendo: vamos salvar a indústria apesar dos economistas. Eu vejo muito mal uma posição de alguém que ainda não assumiu a pasta, de alguém que não detém uma maior experiência na gestão pública, que não faz uma interlocução com os setores da chamada economia real e já sai, antes mesmo de assumir, revelando preconceitos, criando uma indisposição com os setores. É um mau sinal. Ele precisa compreender adequadamente a natureza das demandas”.

Superministério da Economia

“Essa ideia de superministério foi adotada ao tempo do Governo Collor e não deu certo. O Brasil não precisa de um czar na economia. Evidentemente que a política econômica precisa de uma coordenação fina entre a política monetária, a política cambial, a política fiscal, mas no mundo inteiro os setores produtivos se representam através de um canal próprio no governo, o que não significa dizer que não passe por uma mediação do ministro da Fazenda. Os países desenvolvidos possuem um Ministério da Indústria, porque você tem que ter essa interface com o setor produtivo”.

Extinção do Ministério da Indústria e Comércio Exterior

“Você deixar de ter um canal de interlocução com o setor produtivo, secundarizar isso, é preocupante. O que é que será agora a área de indústria e comércio exterior? Vai ser uma secretaria vinculada a esse superministério da Economia. Você vai conferir poderes demais a esse ministro e vai tornar essa interlocução com os setores produtivos uma coisa secundária. Na experiência internacional, isso não existe. Então, eu lamento que essa questão possa ser resolvida de supetão. Essa figura do superministro não funciona, a meu ver, e lamento mais ainda que o ministro já chegue revelando tantos preconceitos. Eu lamento que isso possa ter sido decidido dentro de um grupo tão pequeno, sem ouvir os setores produtivos”.  

Importância do Ministério

“O ministério tem uma estrutura, tem uma área que trata de política industrial e de todo o atendimento das demandas do setor industrial, tem uma área de comércio exterior, tem uma Secretaria de Comércio e Serviço que trata da situação da atividade comercial no país. Você recebe (demandas) de toda parte… da política comercial em relação ao mundo, a negociação dos acordos comerciais, toda a política de defesa comercial, antidumping, para proteger setores da indústria de práticas desleais de comércio. Portanto, o Mdic tem uma estrutura que foi formada ao longo do tempo. É uma estrutura que atua fortemente na definição das políticas industriais, na gestão de todos os problemas na interlocução da indústria com o governo, na promoção dos acordos comerciais, na definição de políticas de defesa comercial e toda a interlocução também com o setor comercial brasileiro. É uma entidade que cumpre um papel muito importante, não estou dizendo isso porque fui ministro, é porque essa estrutura foi ao longo dos anos se fortalecendo”.

Fusão de Agricultura e Meio Ambiente

“Parece-me uma coisa totalmente equivocada. Você veja, por exemplo, meio ambiente não se refere apenas à Agricultura. Qualquer obra de infraestrutura passa por uma avalição de meio ambiente. Se você discute, por exemplo, saneamento, isso tem uma interface na área de meio ambiente. Portanto, você colocar essa área dentro do Ministério da Agricultura é algo que me parece extravagante, não tem realmente sentido”.

Fusões sem redução de gastos

“Essas reduções de ministérios, elas se apoiam em uma premissa que se revela ao final falsa, que é de que isso vai produzir uma grande economia na máquina pública. Na realidade, vão mudar as caixas. Essas estruturas dos ministérios que vão ser incorporados se transformam em secretarias, a estrutura permanece, e ao final essa economia não se confirma. Então, o que se faz é uma ação simplificadora que não resulta em ganhos de eficiência e desempenho da máquina pública”.

 
Assessoria de Imprensa do senador Armando Monteiro (PTB)


Postado em Política | Por

out 31

31 outubro 2018

Presidente Bolsonaro em vídeo promete ir a Serra Talhada


A Capital do Xaxado tornou-se rota dos presidentes, após as visitas de Dilma, agora é a vez de Bolsonaro que promete visitar  Serra Talhada, uma declaração em vídeo quando aguardava a hora do voo comercial.


Publicidade


Postado em Política, Sertão, Vídeo | Por

out 31

31 outubro 2018

Miguel Coelho sanciona lei para criar novas escolas em tempo integral

Foto:Ascom

Com a meta inicial de criar dez escolas até 2020, o projeto que institui o Programa Municipal de Educação Integral (ProMEI) foi sancionado pelo prefeito Miguel Coelho nesta segunda-feira (29). A iniciativa visa criar uma política pública permanente para manter as crianças por mais tempo nas salas de aula, com mais qualidade no aprendizado e redução na evasão escolar.
A Lei Municipal 3.108 estipula nessas novas escolas uma carga horária de 9 horas, divididas em aulas de 50 minutos, além dos períodos para refeição e descanso. O conteúdo de ensino seguirá a Base Nacional Comum Curricular. O ProMEI ainda pretende adotar nas salas de aulas novos métodos para facilitar o ensino com uso de tecnologia.
Segundo Miguel Coelho, a Prefeitura de Petrolina já deve implantar as duas primeiras escolas em tempo integral no próximo ano. “Já temos a melhor educação de Pernambuco entre as cidades com mais de 100 mil habitantes. Mas o petrolinense sempre exige mais e queremos ser referência nacional. Acredito que com esse programa municipal vamos avançar ainda mais, com duas escolas já no próximo ano e até 2020, dez unidades em vários bairros de Petrolina”, destaca o prefeito.
Atualmente, a rede municipal conta com 80 unidades escolares do ensino fundamental. Apenas uma delas é integral, a Escola Domingos Sávio, no bairro Gercino Coelho, que foi criada ainda gestão do ex-prefeito Fernando Bezerra.
Junior Vilela
Assessor de Imprensa do prefeito Miguel Coelho

Postado em Sertão | Por

out 31

31 outubro 2018

Cemitérios de Sertânia passam por serviços de manutenção

Foto:Ascom

Centenas de pessoas deverão comparecer aos cemitérios do município de Sertânia na próxima sexta-feira, dia 02 de novembro, Dia de Finados. Por isso o Governo Municipal, através das Secretarias de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana e Infraestrutura e Projetos Especiais, realizou trabalhos que promoveram melhorias nos cemitérios da sede, distritos e povoados.

Publicidade

Os locais receberam serviços de limpeza e pintura, as comunidades beneficiadas foram: Umburanas, Várzea Velha, Caroalina, Rio da Barra, Albuquerque Né, Algodões, Moderna, Cruzeiro do Nordeste, Henrique Dias e Maniçoba.

No cemitério de Umburanas está sendo implantado sistema de iluminação e nos cemitérios de Moderna, Henrique Dias e Pernambuquinho estão sendo feitas melhorias na rede de luz já existente. Os locais passam regularmente por trabalhos de preservação.

Colaboração da Assessoria de Imprensa


Postado em Sertão | Por

out 30

30 outubro 2018

Tumores de laringe será tema  de palestra em Petrolina

Segundo evento do ano de uma série de palestras, programadas para abordar as doenças tratadas pela especialidade de cirurgia de cabeça e pescoço, com a exposição das suas causas, sintomas e opções de tratamento. “Laser e Laringe com Vinho” é um evento que tem o objetivo de criar um elo com os pacientes afim de divulgar informações sobre os mais variados temas na cirurgias de cabeça e pescoço e que são tratados na região do Vale do São Francisco.
A palestra vai acontecer no próximo dia 13 de novembro, na Champanharia Wine Drink Clube, a partir das 19h. O evento que já abordou, em março, o tema “Tireoide e Vinho” tem como público alvo profissionais e estudantes da área de saúde que podem se inscrever através do site www.sicape.com.br.
“O nome do evento vem de um projeto no qual procuramos discutir temas relevantes da área de cirurgia de cabeça e pescoço de uma maneira descontraída. Os Tumores de laringe possuem correlação com o hábito de beber, fumar e, também, apresenta o papiloma vírus humano (HPV) como fator de risco. Com isso, a meta é que de posse dessas informações, as pessoas irão poder procurar ajuda com maior brevidade”, afirmou o coordenador do evento Dr Aglailton Menezes, médico cirurgião de cabeça e pescoço.
Tumores de laringe são doenças que podem apresentar sintomas como alterações na voz e rouquidão. “O câncer de laringe que se forma nas cordas vocais (glote), muitas vezes causa rouquidão ou alterações na voz. Isto pode levar a um diagnóstico em estágio inicial. As pessoas que apresentam alterações na voz, como rouquidão, que não melhoram em duas semanas devem procurar um médico. Para uma avaliação completa, podem ser encaminhados para um especialista, acrescentou o médico Aglailton Menezes.
Um alerta é importante sobre a doença, para os tumores que não se iniciam nas cordas vocais, a rouquidão ocorre somente após os mesmos atingirem um estágio avançado ou terem invadido as cordas vocais. “Muitas vezes, estes tumores não são diagnosticados antes de se disseminarem para os gânglios linfáticos, de modo que o paciente perceba uma massa no pescoço”.
Outros Sintomas
Os tumores que começam na área da laringe (supraglote, subglote ou hipofaringe) são frequentemente diagnosticados em estágios avançados, por não apresentarem sintomas, como a rouquidão.
Os sintomas desses cânceres podem incluir ferida na garganta que não cicatriza, tosse persistente, dor e dificuldade para engolir, dor de ouvido, dificuldade para respirar, perda de peso, nódulo ou massa no pescoço. “Ter um ou mais destes sintomas não significa ter um câncer de laringe ou hipofaringe.
Na verdade, muitos destes sintomas são causados por outras condições clínicas. Ainda assim, se você tiver algum destes sintomas, é muito importante que sejam acompanhados por um médico para que a causa possa ser diagnosticada e tratada, se necessário”, concluiu Dr Aglailton Menezes.
Serviço:
O quê: “Laser e Laringe com Vinho”
Quando: 13 de novembro
Local: Champanharia Wine Drink Clube (Avenida Monsenhor Ângelo Sampaio, 690A – São José – Petrolina)
Horário: a partir das 19h.
Inscrições através do site www.sicape.com.br.
Colaboração de Aglailton Menezes

Postado em Ciência e Tecnologia | Por

out 30

30 outubro 2018

Senar forma primeira turma de Técnico em Agronegócio em PE

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Pernambuco (Senar/PE) formou, na sexta-feira (26), a primeira turma do curso Técnico em Agronegócio, no estado. Os 13 formandos receberam os certificados em uma solenidade no município de Bezerros, onde está localizado o polo presencial de ensino. A capacitação teve início em agosto de 2016.

“Digo com orgulho que vocês estão no caminho certo para serem agentes de transformação e atuarem como parceiro do produtor rural, levando técnicas inovadoras e sustentáveis, principalmente de gerenciamento, na conquista pela produtividade e lucratividade, com visão empreendedora no campo”, afirmou o presidente da Federação da Agricultura do Estado de Pernambuco e do Conselho Administrativo do Senar/PE, Pio Guerra.

Com um amplo mercado de trabalho em vista, “o técnico em agronegócio é voltado para a gestão das empresas agrícolas, mas sua atuação não se limita aos processos internos de uma fazenda, podendo trabalhar em empresas comerciais, estabelecimentos agroindustriais, serviços de assistência técnica, extensão rural e pesquisa, revendas, consultorias, bem como em empresas de fomento”, explicou o superintendente do Senar Pernambuco, Adriano Moraes.

O curso é totalmente gratuito e a primeira seleção, iniciada em agosto de 2016, foi bastante concorrida. “A procura superou as expectativas, devidos à demanda do mercado por profissionais capacitados”, destacou a coordenadora de Treinamentos do Senar Pernambuco, Mônica Pimentel.

Para o formando Josenildo Macêdo, o curso soma conhecimentos e práticas, viabilizando a possibilidade de gerir a propriedade, com capacidade técnica. “O futuro é uma agricultura tecnificada. Por isso, é preciso buscar, cada vez mais, conhecimento para termos acesso e trabalharmos com as novas tecnologias”, destacou ele.

Por sua vez, o presidente do Sindicato Rural de Bezerros – que sediou o curso, Luiz Sales, destacou o comprometimento da turma, da coordenação e dos instrutores. “Agora, é pôr em prática o conhecimento adquirido e fazer a diferença que o setor agropecuário espera”, completou. Para a diretora da Escola Técnica do Agreste, Socorro Silva, a iniciativa abre novas perspectivas, vislumbrando outras modalidades de cursos técnicos.

Marina Lima

Assessora de Comunicação e Eventos


Postado em RECIFE | Por

out 29

29 outubro 2018

2020 é o prazo para funcionar o Shopping Arcoverde

23/10/2018. Credito: GR Shopping/Divulgacao. Shopping de Arcoverde.

Os R$20 milhões investidos no Shopping Arcoverde no Sertão do Moxotó é a garantia para que ele inicie as atividades em 2020.

Um terreno as margens da BR-232 no KM 256 acomodará a primeira etapa do empreendimento que terá 109 operações, três cinemas, área de lazer, lojas âncora que não diz quais serão, estacionamento com 450 vagas. As obras já iniciaram e deve ficar pronta em dois anos, já o de Serra Talhada em fase de conclusão e bem menor está se arrastando por mais de cinco anos.


Postado em Sertão | Por

out 29

29 outubro 2018

Memorial do DETRAN-PE recebe material publicitário datado de 1941

Para uns, apenas passatempo. Para outros, razão de viver. Dedicar 58 anos da vida a colecionar coisas esquecidas ou descartadas faz parte do dia a dia de Ricardo Breno Rodrigues, 85 anos, que coleciona objetos como relógios, xícaras, imagens e cartões postais. Ele é dono de centenas de peças que lembram o passado e agora está se desfazendo devido a um problema de visão.

Uma delas é um bilhete postal enviado pelo Departamento dos Correios e Telégrafos durante a 1ª Semana de Trânsito do Recife, que aconteceu de 5 a 10 de maio de 1941. O bilhete alerta aos motoristas sobre ultrapassagem proibida. Foi justamente esse item que Ricardo Breno se desfez ao vender para o Diretor Presidente do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, Charles Ribeiro, que adquiriu e imediatamente fez doação para o Memorial José Moreira, localizado na sede do Órgão de trânsito.

O professor Maurício Pina foi quem fez a intermediação entre o Presidente da Autarquia e o colecionador. Ribeiro foi até a residência de Ricardo para adquirir o bilhete postal, que fazia parte de sua coleção.

“Acredito que cada objeto tem sua história e coleciona-los é um modo de vida, além de recordar algo que já vivi e preservar o passado para outras pessoas entenderem. Estou muito feliz que esse cartão tenha ficado em Pernambuco e, principalmente, no Órgão que representa o trânsito em nosso Estado, assim a população vai pode aprecia-lo”, concluiu Ricardo.

 

Jô Lima – DRT/PE 1443
Assessora de Imprensa e Publicidade Institucional 

Postado em RECIFE | Por

out 29

29 outubro 2018

Implantação de rede de esgoto interdita trecho de rua no bairro de Santo Amaro

Uma obra para implantação de 300m de rede coletora de esgoto foi iniciada  nesta  segunda-feira (29 )amana Rua Arnóbio Marquês, bairro de Santo Amaro. A intervenção tem o objetivo de  aumentar a capacidade do sistema de esgotamento sanitário no local, melhorando o atendimento aos imóveis da rua.

O trecho da nova  rede terá 150 milímetros de diâmetro e será implantada a cerca de um metro e meio de profundidade. A obra tem duração prevista de 30 dias com a  interdição parcial  da faixa da direita da Rua Arnóbio Marquês, do número 263 até as proximidades da Igreja Assembleia de Deus, na Avenida Agamenon Magalhães.

Os veículos devem realizar o desvio pela própria via. A obra está sendo executada pela BRK Ambiental, parceira privada da Compesa  no Programa Cidade Saneada, a PPP do Saneamento da Região Metropolitana do Recife.

 

Assessoria de Imprensa da Compesa


Postado em RECIFE | Por

out 29

29 outubro 2018

MPT marca presença na abertura do congresso da Escola Judicial do TRT pelos 30 anos da CF

Representado pela procuradora-chefe do Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco, Adriana Gondim, o órgão participa da solenidade de abertura do congresso “Democracia e Justiça Social nos 30 Anos da Constituição: Avanços e Retrocessos no Mundo do Trabalho”, da Escola Judicial do Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região (EJ-TRT6). A sessão solene ocorre nesta terça-feira (30), às 8h30, no Hotel Grand Mercure Recife (antigo Recife Palace Hotel).
 
Após a solenidade de início dos trabalhos, haverá a conferência “A Constituição Cidadã e os Direitos Sociais 30 anos depois: Avanços e retrocessos”, a ser proferida pelo ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Breno Medeiros. A programação do congresso contempla painéis durante toda a terça (30) e a quarta-feira (31).
 
A coordenação científica do congresso é realizada pelo desembargador Sérgio Torres Teixeira e pela juíza do Trabalho Juíza Roberta Corrêa de Araújo, ambos do TRT da 6ª Região. A coordenação cultural é fica a cargo do procurador Regional do Trabalho Waldir de Andrade Bitu Filho. 
 
Participação do MPT
 
O congresso conta com a presença do procurador-Geral do Trabalho Ronaldo Curado Fleury, em palestra sobre a melhoria da condição social do trabalhador como direito fundamental; além dos procuradores do MPT Cristiane Lopes (PR), Melícia Mesel (PE) e Xisto Tiago de Medeiros (RN); que tratam sobre imigração e tráfico de pessoas, raça e gênero como fator de assédio moral no meio ambiente de trabalho e trabalhos escravo e degradante, respectivamente.
Confira a programação completa.
Dia 30/10 – terça-feira
8h – CREDENCIAMENTO
8h30 – SESSÃO SOLENE DE ABERTURA
9h – CONFERÊNCIA INAUGURAL: A Constituição Cidadã e os Direitos Sociais 30 anos depois: Avanços e retrocessos. Palestrante: Breno Medeiros, ministro do TST.
9h50 – INTERVALO
10h05 – PALESTRA 1: 30 anos de Constituição: É hora de revisar? Palestrante: André Vicente Pires Rosa, Juiz do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).
10h45 – 1º PAINEL : O Poder Judiciário e a consolidação da democracia: o papel da Justiça na sociedade contemporânea.
1.1 A independência judicial e o princípio da razoável duração do processo. Painelista: Eneida Melo Correia de Araújo, desembargadora do TRT6.
1.2 A Lei 13.467/2017 e o direito constitucional de acesso à Justiça. Painelista: José Eduardo de Resende Chaves Júnior, desembargador do TRT3.
12h – ALMOÇO
13h30 – 2º PAINEL: O desafio da efetividade dos Direitos Fundamentais Sociais.
2.1 Os efeitos das recentes decisões do STF no direito material e processual do trabalho. Painelista: Eduardo Pugliesi, desembargador do TRT6.
2.2 A jurisdição Trabalhista e a Reforma trabalhista: Moralização ou mitigação da litigância? Painelista: Mônica Sette Lopes, desembargadora TRT3.
14h30 – PALESTRA 2: Direitos fundamentais trabalhistas e Controle de Convencionalidade. Palestrante: Leandro Fernandez Teixeira, Juiz do TRT6.
15h- INTERVALO
15h15 – PALESTRA 3: Por uma hermenêutica concretizadora dos Direitos Sociais. Painelista: Aldacy Rachid Coutinho, professora doutora em Direito da Universidade Federal do Paraná.
16h – 3º PAINEL: Democracia, Cidadania e Justiça Social: o Direito Fundamental ao trabalho digno na ordem constitucional democrática.
3.1 Imigração e Tráfico de Pessoas. Painelista: Cristiane Maria Sbalqueiro Lopes, Procuradora do Ministério Público do Trabalho (MPT)
3.2 Trabalhos Escravo e Degradante. Painelista: Xisto Tiago de Medeiros Neto, Procurador do MPT.
17h – ENCERRAMENTO
Dia 31/10 (quarta-feira)
8h30 – 4º PAINEL: A tutela constitucional do meio-ambiente do trabalho.
4.1 O direito fundamental do trabalhador ao meio ambiente de trabalho saudável. Painelista: Ingrid Zanella Andrade Campos, Vice-presidente da Câmara Ítalo-Brasileira de Comércio Exterior.
4.2 As relações de trabalho no mundo de vigilância: Privacidade e Intimidade no ambiente de trabalho. Painelista: Amaury Rodrigues Pinto Junior, desembargador do TRT24.
4.3 Minorias discriminadas: Raça e gênero como fator de assédio moral no meio ambiente de trabalho. Painelista: Melícia Alves de Carvalho Mesel, Procuradora do MPT.
9h30 – PALESTRA 4: A garantia da melhoria da condição social do trabalhador como direito fundamental e a Lei 13.467/ 2017: A alteração da matriz principiológica do direito material do trabalho.Palestrante: Ronaldo Curado Fleury, Procurador-Geral do MPT.
10h15 – INTERVALO
10h30 – 5º PAINEL: Reforma Trabalhista, autonomia privada e princípio protetivo.
5.1 A Reforma Trabalhista e a organização Sindical brasileira: Esvaziamento ou fortalecimento do poder dos sindicatos? Palestrante: Silvia Nogueira, advogada, Diretora da AATP.
5.2 A inafastabilidade da tutela jurisdicional e as soluções extrajudiciais de conflitos trabalhistas. Painelista: Sergio Torres Teixeira, desembargador do TRT6.
12h – ALMOÇO
13h30 – 6º PAINEL: A Reforma Trabalhista na perspectiva constitucional
6.2 O princípio Constitucional da razoável duração do Processo e a Execução Trabalhista à luz da Lei 13.467/2017: Efetividade ou ineficácia? Painelista: Bento Herculano Duarte Neto, desembargador do TRT21.
6.3 Os novos paradigmas da jornada de trabalho e a Intensificação do trabalho. Painelista: Vólia Bomfim Cassar, desembargadora do TRT1.
14h30 – PALESTRA 5: O valor social do Trabalho e as Novas contratualidades da Lei 13.467/2017: Empregabilidade precária e ocupação. Palestrante: Homero Batista Mateus da Silva, Juiz TRT2 e conselheiro da ENAMAT.
15h15 – INTERVALO
15h30 – 7º PAINEL: A indissociável relação ordem social/ordem econômica e o mundo do trabalho.
7.1 A valorização do trabalho e a intermediação de mão de obra à luz da Reforma Trabalhista: Terceirização ou marchandage? Painelista: Roberto Parahyba Arruda Pinto, Presidente da ABRAT.
7.2 Trabalho, Precarização e Resistências: novos e velhos desafios. Painelista: Roberta Corrêa de Araújo, juíza do TRT6.
16h40 – CONFERENCIA DE ENCERRAMENTO: O futuro do mundo do trabalho e da justiça do trabalho. Palestrante: Luiz Philippe Vieira de Mello Filho, ministro do TST e Diretor da ENAMAT.
17:30 – ENCERRAMENTO

Postado em Notícias | Por

Página 9 de 1.039« Primeira...7891011...203040...Última »