Publicidade


fev 14

14 fevereiro 2015

Rua Manoel Francisco na saída de Afogados da Ingazeira precisa de recuperação

Publicidade


O secretário do POVO enviou a equipe de reportagem para averiguar uma denúncia na Rua Manoel Francisco, acesso para Tabira  que está destruído, incomodados os moradores querem saber quando será restaurada.

Imagem1603

Imagem1604

Imagem1608

Imagem1611

Imagem1612

Imagem1613

Um morador falou ao Secretário do POVO “Já falemos, já fomos a prefeitura e a situação é essa aqui, os barulhos dos caminhão vazio de noite incomoda”disse Pedro Ferreira da Silva.

O comerciante de automóveis, o senhor João Batista também mostrou que a qualidade do material é fraco, e precisa que os poderes fiscalizem, no futuro ele acredita que tudo pode estourar.

“Essa obra que estavam fazendo aqui na frente, eles fizeram uma vala de dois metro e meio, sem uma compactação e depois que faz fica afundando, eles vieram fazer aqui querendo colocar oito carrinho de material pra botar um saco de cimento, aí não tinha condições, eu fui  chamei o engenheiro, e depois eles vieram e colocaram um saco e meio de cimento em oito carrinho de material, se começar a passar um caminhão, com oito a vinte dias não tem mais nada aí” disse o Sr. João Batista.

 


Postado em Comunidade | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

Construção de casas vai deixar moradores sem ter por onde sair em Afogados da Ingazeira

Uma rua no bairro Bom Jesus, antiga Favela, em Afogados da Ingazeira, estão preocupados com uma rua que está correndo o risco de ser fechada por duas construções.

Imagem1615

Imagem1617

Imagem1618

O nome da Rua é Juarez de Alcântara, vizinha à Rua Ezequiel Alves, outro endereço com um problema crônico, um esgoto que foi prometido pela prefeitura e até o momento não foi solucionado.

Sobre esse esgoto, o prefeito tem conhecimento, pois esteve no local para averiguar, até o momento não tem previsão para iniciar os trabalhos.

Publicidade

Imagem1622

Imagem1625

Imagem1626

Imagem1627

O Secretário do POVO esteve com sua equipe para ouvir as queixas e tentar encontrar uma saída literalmente sobre a questão, e ainda por cima , colocar o problema do esgoto na pauta da Secretaria de Infraestrutura.

O morador Edmilson Filomeno falou ao nosso blog “o cara fez duas casas, fechou a rua, a gente não tem por onde entrar mais, esse biquinho não passa, só carrinho pequeno” disse.

 


Postado em Comunidade | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

É DINHEIRO !!//Quanto o governo de Pernambuco vai pagar a cada artista no Carnaval 2015

Pelo menos o Blog do jornalista Jamildo Melo do Jornal do Comércio vem destacando uma lista com os valores dos artistas que vão se apresentar patrocinados pela FUNDARPE, um detalhe importante é que o Maestro Spok, homenageado do frevo em Recife, teve apenas um contrato, segundo dados do Diário Oficial.

Leia agora no Blog de Jamildo 


Publicidade


Postado em Notícias | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

RESOLVIDO//Após cobrança do Secretário do POVO, Beck de Souza e MAF recuperam Rua José de Alencar

Agora está solucionado o problema do calçamento da Rua José de Alencar no bairro São Braz em Afogados da Ingazeira, tudo isso reflete o trabalho do Secretário do POVO e equipe.

Imagem1634

Imagem1635

Imagem1636

A comunidade cobrou e mostrou insatisfação com o estado da via, pedras soltas devido a um serviço de baixa qualidade, a empresa Beck de Souza, representada pelo engenheiro Paulo Guimarães, acionou a MAF que agora conclui a obra e restaura com muita qualidade o calçamento.

Imagem1637

Imagem1638

Imagem1639

Os moradores estão impressionados com a nova forma de trabalho da empresa e agradecem a todos os envolvidos nesta tarefa.

Alguns donos de veículos estão desrespeitando o prazo de cura do calçamento e passando por cima, mesmo pela calçada, inclusive já foi feita a denúncia a Prefeitura de Afogados da Ingazeira.


Postado em Comunidade | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

Afogados da Ingazeira//Os tabaqueiros já tomam as ruas da cidade

Numa expressão de alegria pela chegada do Carnaval 2015, homenageados eles tomam as ruas, os mascarados conhecidos como tabaqueiros, diversos personagens vivem um momento único na folia de momo.

Imagem1630

Imagem1643

Imagem1648

Imagem1649

Afogados da Ingazeira, assim como Triunfo cidade próxima e que pertence ao Sertão do Pajeú, vive o ritmo do frevo com bastante intensidade.

Imagem1650

Imagem1651


Postado em Notícias | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

O QUENTE//Hoje seria o aniversário de Reginaldo Rossi

Reginaldo Rossi, nome artístico de Reginaldo Rodrigues dos Santos (Recife, 14 de fevereiro de 1944 – 20 de dezembro de 2013), foi um cantor e compositor pernambucano, conhecido como o “Rei do Brega”.

Enciclopédia Nordeste: Biografia de Reginaldo Rossi – http://goo.gl/iGMMUS

 

Fonte:Onordeste.com


Postado em Notícias | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

AINDA É TEMPO//Continuam as inscrições para o Circuito Afogadense de Bike

Os ciclistas do Pajeú terão um evento somente deles, e deverá repercutir em todo estado, será em Afogados da Ingazeira no Sertão do Pajeú, deverá reunir centenas de ciclistas.

Será o primeiro evento desse tipo na cidade, o Circuito Afodadense de Bike continua suas inscrições Secretaria de Cultura e Esportes de Afogados da Ingazeira, lembrando ainda que pra os que são de fora devem seguir as orientações na inscrição por conta bancária.

Até o dia 22, sexta-feira, os interessados devem procurar Mateus Abel.


Postado em Sertão | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

Prefeitura de Afogados vai premiar escolas que reduzirem consumo de água e energia

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira, no Sertão do Pajeú, a 386 km de Recife, lançou esta semana uma campanha objetivando reduzir o consumo de água e energia nas 32 Escolas da rede municipal de ensino, onde estudam 6 mil alunos da educação infantil, ensino fundamental e EJA (ensino de jovens e adultos). É o Programa Água pela Vida.

foto (4)

foto (5)

foto (8)

Em uma das regiões mais castigadas pela seca, o município vem sendo abastecido pela adutora do Pajeú, que capta água no Rio São Francisco, na altura de Floresta. A barragem de Brotas, inaugurada em meados da década de setenta e antigo manancial do município, secou completamente em 2013, pela primeira vez em sua história. Hoje, ela conta com apenas 8,1% de sua capacidade armazenada. A previsão é de que 2015 seja mais um ano ruim em se tratando de precipitação pluviométrica.

foto (8)

foto (9)

foto (10) foto (11)

A meta da Secretaria Municipal de Educação é reduzir o consumo das Escolas em 50% até o final do ano, seguindo orientação da ONU, através dos 8 objetivos do milênio. Na questão da segurança hídrica, a ONU prevê “Reduzir pela metade, até 2015, a proporção da população sem acesso permanente e sustentável a água potável segura e esgotamento sanitário.”

Para mobilizar a comunidade escolar, a Prefeitura irá promover nas escolas palestras, oficinas, cineclubes e a realização de mesas de glosas, tradição da cultura do Sertão do Pajeú. Em torno da mesa de glosa, reúnem-se poetas, cantadores, repentistas e quem mais quiser participar. O mote é dado e desenvolvido pelos participantes. O tema será a redução do consumo e o consumo racional da água. Está prevista também a realização de uma olimpíada de conhecimento, com distribuição de medalhas (ouro, prata e bronze) para os melhores trabalhos. O tema será “agindo com consciência planetária”. Todos os materiais educativos impressos (cartilha, panfleto, folder, etc) será produzido pelos próprios alunos em sala de aula.

O custo anual com a conta de água e energia das 32 escolas é de R$ 28.833,72 e R$ 107.288,14, respectivamente.

(amanhã, até às 12 horas, te envio informações sobre os prêmios que serão distribuídos e a quantidade do consumo anual de água e energia em quilowatts e em litros. As fotos em anexo foram tiradas pelo fotógrafo Cláudio Gomes, com alunos do Centro de Educação Infantil Maria Genedi de Brito.)

Prefeitura de Afogados da Ingazeira
Núcleo de Comunicação Social


Postado em Sertão | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

Ministério Público cobra qualidade no atendimento de HR Emília Câmara e unidades de saúde do Pajeú

Pauta de ações foi debatida com Direção da unidade, prefeitos, Secretários de Saúde e X Geres

O Ministério Público no Pajeú ampliou a fiscalização, combate e ação estratégica pelo fim dos problemas enfrentados na área de saúde na região, como os registrados no Hospital Regional Emília Câmara e em UBS’s.

ata_MP_Capa
Esta semana, os promotores Lúcio Luiz de Almeida Neto (Afogados da Ingazeira), Paulo Diego Sales, Aurinilton Leão Sobrinho e Fabiana de Souza Albuquerque se reuniram com os prefeitos Dessoles Monteiro (Iguaraci), Sebastião Dias (Tabira), Dêva Pessoa (Tuparetama), José Vanderlei (Brejinho), mais os Secretários de Saúde de Ingazeira, Afogados, Sertânia, Tabira, Ingazeira, Carnaíba, Direção do HR Emília Câmara (Leandra Barbosa e Larissa Valadares) e X Geres (Mary Delânea).

foto 1

foto 2

foto 3
Na pauta, a agenda de ações propostas pelo MP para otimizar o atendimento na área da saúde da região, a partir das reclamações de falta de médicos ou excesso de transferências – inclusive para partos – no Emília Câmara, falhas na Central de Regulação, escala e cumprimento de horários de médicos, SAMU, dentre outras questão não atendidas na política de gestão da Saúde do Estado, municípios e Governo Federal.
Depois de um amplo debate, alguns compromissos foram firmados.

Dentre eles, a elaboração de um questionário pelo MPPE solicitando sugestões dos profissionais de saúde do Hospital Regional para melhoria do atendimento, envio da unidade para MP e prefeitos mensalmente de relação dos atendimentos realizados por município, disponibilização de veículo próprio pela SDS para transporte de cadáveres, publicidade da escala mensal de plantões dos médicos da unidade, fim ou redução máxima da ambulancioterapia com maior resolutividade local, inclusive de gestantes, funcionamento correto da central de regulação com transferências feitas em último caso com segurança do atendimento, dentre outras cobranças.

Os promotores foram diretos : exigiram que as Secretarias de Saúde instalem ponto eletrônico nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) para maior controle do atendimento dos médicos, como começou a ser feito em Afogados com os odontólogos. Também fornecimento aos usuários SUS de certidão com motivação em casos de não atendimento. Também que ofereçam condições de trabalho, assim como a agentes de saúde e endemias. O Centro de Especialidades Odontológicas devera cumprir papel regional.

Outra queixa grave apurada pelo MP é que há médicos que atuam em UPAS-E que determinam a execução de exames e direcionam onde devem ser feitos, muitas vezes em clínicas vinculadas aos próprios profissionais.

O MPPE oficiará o prefeito Luciano Duque (Serra) para que detalhe a previsão de funcionamento da Central de Regulação do SAMU para a 3ª Macro Região, que envolve as regionais de Afogados, Arcoverde e Serra, com 30 cidades. Também quer que as prefeituras estejam aptas quando Serra concluir o que lhe cabe.

A próxima reunião será dia 25 de fevereiro. Até lá, os promotores querem levantamento de todas as demandas, assim como sugestões para reduzir o fluxo da atenção básica no HR Emília Câmara.

Da Assessoria de Imprensa


Postado em Sertão | Por

fev 14

14 fevereiro 2015

Prefeita de Flores reúne-se com gerente regional da COMPESA para discutir abastecimento d´água em Fátima e em Flores

Na pauta discutiu-se parceria entre a Compesa e a Prefeitura de Flores para construir canal e receber ETA-Estação de Tratamento de Água e melhorar qualidade da água que abastece a zona urbana de Fátima.

A prefeita de Flores, Soraya Morioka, reuniu-se com o Dr. Bruno Cavalcante, para discutir a crise de abastecimento de água em Fátima e na sede de Flores, onde foram tratadas ações para designar para Flores uma Estação de Tratamento de Água (ETA) com capacidade de tratamento maior do que a que está instalada atualmente, e garantir abastecimento do Sistema Adutor do Pajeu, quando e se ocorrer, interrupção da adutora de Fátima.

Para o distrito de Fátima, disse o coordenador Bruno Cavalcante, que a partir do mês de março a COMPESA fará a limpeza do poço São Benedito para melhorar a qualidade de água e ampliar para 7 litros por segundo o volume produzido do líquido, que atualmente é de 4 litros por segundo, além de interligar o poço São Benedito à Caixa Elevatória de Fátima, e assim diminuir o teor de cloreto de sódio para tornar a água propícia para o consumo.

PARCERIA: A prefeitura de Flores assinou parceria para efetuar a interligação do poço São Benedito até a caixa elevatória de Fátima, na escavação e aterro das valas e a instalação dos tubos mais a mão-de-obra da rede que levará a água a Caixa Elevatória.

Da Assessoria de Imprensa


Postado em Sertão | Por