Publicidade


Com ajuda de Bolsonaro, Paulo Câmara coloca R$ 74 milhões no orçamento para auxílio emergencial de artistas

12 set 2020|Postado em:Notícias

 

O governador Paulo Câmara (PSB) assinou, na quinta-feira (10), o decreto 49.430, colocando R$ 74 milhões no orçamento de 2020 da Secretaria Estadual de Cultura.

Os recursos foram recebidos do Governo Bolsonaro, através da Lei Aldir Blanc.

A Lei Federal 14.017, de 29 de junho de 2020, denominada Lei Aldir Blanc, foi criada com o intuito de promover ações para garantir uma renda emergencial para trabalhadores da cultura e manutenção dos espaços culturais brasileiros durante o período de pandemia do Covid‐19.

De acordo com a Lei Aldir Blanc, a União entregará para Estados, Distrito Federal e municípios R$ 3 bilhões para aplicação em ações emergenciais de apoio ao setor cultural.

Espaços artísticos vão receber subsídios mensais que variam de R$ 3 mil a R$ 10 mil. Trabalhadores terão direito a três parcelas de R$ 600.

A forma de distribuição dos recursos aos artistas e espaços culturais ficará a cargo dos Estados, municípios e do Distrito Federal.

Em Pernambuco, o Governo do Estado já tem feito lives para debater com a classe artística como será a distribuição do dinheiro.

 

Rádio Vivo-Anchieta Santos

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*