set 23

23 setembro 2020

O papel do georreferenciamento na regularização fundiária

 

fotos: Mirthis Novaes/ASCOM Iterpe.

Considerada uma ação complementar da reforma agrária, a regularização fundiária também contribui para se obter o diagnóstico da malha fundiária de uma determinada região. A regularização da terra consiste em um processo minucioso, que em geral é formado por etapas e técnicas distintas. O pontapé inicial ocorre por meio do trabalho em campo, através do cadastro das famílias e, a partir dele, a realização do georrefrenciamento, medição da terra que utiliza equipamentos topográficos mais avançados, possuindo variados tipos de GPS que asseguram maior precisão da medição e conseqüente levantamento das informações técnicas das propriedades e das famílias.

E é por meio da etapa de geocadastro que os profissionais percorrem as comunidades rurais para identificar os imóveis que ainda não estão legalizados. Nessa etapa, é necessária a colaboração dos agricultores para receber os técnicos, prestar informações e fornecer a documentação exigida. O geocadastro requer diálogo com as famílias para entender os aspectos sociais e ambientais da área, que seja capaz de levantar a situação legal da terra; conscientizar a população rural sobre a importância da legalização e das etapas que devem ser realizadas para que obtenham o documento que assegure juridicamente a sua permanência naquela propriedade.

Após o levantamento das informações sociais, a equipe técnica, autorizada pelas comunidades rurais cadastradas, inicia o trabalho de medição dos imóveis, bem como a identificação do que é posse e o que é domínio, informações que servirão para que a gestão pública, no caso de Pernambuco, o Governo Estadual, emita o título de propriedade e encaminhe para ser registrado no cartório de imóveis do município.

O Título de Propriedade é última etapa do trabalho de regularização fundiária e representa para as famílias do campo a segurança jurídica do imóvel e inclusão socioeconômica por meio do acesso às políticas públicas de desenvolvimento rural.

“O título de propriedade, do ponto de vista social, assegura a família em ter a sua terra e poder transmitir esse direito aos filhos; é considerada a identidade da terra, porque mexe com a ideia de pertencimento ao lugar; serve para que os trabalhadores do campo possam acessar as linhas de créditos que estimulam o desenvolvimento da produção rural e contribui para o planejamento da gestão pública a direcionar os programas e projetos às áreas identificadas como prioritárias, fortalecendo assim as cadeias produtivas locais e, consequentemente, a agricultura familiar”, explicou o presidente do Instituto de Terras e Reforma Agrária de Pernambuco (Iterpe), Altair Patriota.

Mirthis Novaes


Postado em Notícias | Por

set 23

23 setembro 2020

Juventude Presente tem 611 inscritos em qualificação profissional

Programa oferece mais de 16 cursos a distância para adolescentes e jovens, que poderão se qualificar em áreas como administração, marketing, profissões, tecnologia e turismo

O Programa Juventude Presente registrou 611 inscrições nos cursos de qualificação profissional que estão sendo oferecidos em parceria com o Formação Cursos. São cursos de ensino a distância nas áreas de administração, marketing, profissões, tecnologia e turismo. Ao todo, são 16 cursos totalmente gratuitos. Os interessados devem se inscrever pela internet, porque as vagas limitadas.

Os cursos têm aplicação prática para o mercado de trabalho, como por exemplo, o curso de elaboração e análise de projetos (30 horas aula) ou de empreendedorismo (75 horas/aula). O Juventude Presente também oferece cursos de marketing pessoal e empregabilidade (10 horas/aula) e marketing, telemarketing e e-commerce (12 horas/aula).

Os interessados em qualificação mais ligados à área de tecnologia podem se interessar por Adobe premiere – edição de vídeo para drone (40 horas/aula) ou operador de mídias sociais – segunda edição (16 horas/aula). Aqueles com foco em atividades mais frequentes no mercado de trabalho tradicional dispõem de operador de caixa (18 horas/aula), assistente administrativo (22 horas/aula) ou atendente e auxiliar de farmácia e drogaria (14 horas/aula).

Os cursos são livres, dispensam qualificação anterior dos alunos interessados. Os certificados de conclusão também são gratuitos e válidos para qualificação profissional no currículo e provas de títulos.  O Formação oferece três formatos de ensino a distância (EAD): interativo, vídeo e híbrido.

As inscrições estão abertas, exclusivamente, pela internet pelo endereço https://forms.gle/pR8JHebELtK5MAN18. Os interessados devem ser rápidos, porque as vagas são limitadas e exclusivas para adolescentes, a partir dos 15 anos, ou jovens, com até 29 anos, residentes em Pernambuco. As inscrições vão até o dia 28 de setembro. As aulas começam no início de outubro.

A Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas é responsável pelo Programa Juventude Presente, voltado para adolescentes e jovens de até 29 anos. O Juventude Presente possui três eixos de ação: Qualificação Profissional, Conexão Sociocultural e Cultura de Paz.

 

ASCOM


Postado em Sertão | Por

set 22

22 setembro 2020

Relacionamento Interpessoal é o segredo para você conquistar a sua torcida

Divulgação

 

Por Bia Nóbrega

Já falamos sobre quais são as competências, disciplina, autoconhecimento, flexibilidade à mudança, resiliência evolutiva, autoliderança e comunicação. Hoje, falaremos da competência que te faz conquistar, ou perder sua torcida.

Você é capaz de interagir com naturalidade e eficiência com os mais diversos perfis de público?  Você sabia que esta habilidade conquista e mantém sua torcida, e favorece a obtenção de resultados?

Somos seres sociais e precisamos necessariamente construir permanentemente relacionamentos. Vou deixar aqui algumas dicas de como é possível desenvolver essa competência.

1 – Conecte-se

Dê início a sua rede de relacionamentos. Tome coragem e faça como estas crianças.

2 – Contribua

Compartilhe suas ideias e principalmente pergunte: “Como posso ajudar?” “Como utilizar os meus conhecimentos e contatos para ajudar você a alcançar os seus objetivos?”

3 – Diversifique

Construa uma rede diversificada, você precisa de uma rede de relacionamentos, a mais variada possível. Procure pessoas de diferentes idades, gêneros, opções, experiências e conhecimentos. Essa rede vai desafiar as suas ideias, expandir os seus limites, fornecer um feedback valioso e gerar soluções que não haviam sido consideradas.

4 – Patrocine outros

Abra portas, convide sua rede para eventos e conecte amigos e colegas que partilhem interesses semelhantes.

5 – Felicite

Parabenize amigos e colegas pelas conquistas e realizações pessoais e profissionais. E tenha a certeza, que se trilhar estes cinco passos, terá dado antes de receber e isso sim é se interessar genuinamente por outras pessoas, e construir um relacionamento interpessoal de altíssima qualidade!

Se relacione melhor a cada dia e seja a melhor pessoa que puder ser.

Sobre Bia Nóbrega

É coach, mentora, palestrante, conselheira e executiva há mais de 22 anos na Área de Recursos Humanos em empresas líderes em seus setores. Atualmente acumula em sua posição executiva a Experiência do Cliente. Graduada em Psicologia pela USP, pós-graduada em Administração de Empresas pela FGV-SP, pós-MBA em Conselho pela Saint Paul Escola de Negócios e ESMT – European School of Management and Technology, possui diversos cursos de formação, certificação e atualização. É afiliada à International Coach Federation (ICF), Associação Brasileira de Coaches (ABRACOACHES), Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC), Women Corporate Directors (WCD), Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH) e Associação Brasileira de Treinamento e Desenvolvimento (ABTD). É autora do livro “Autocoaching: 29 dias para dar um upgrade na sua vida” – DVS Editora e é coautora do livro “Mapa da Vida” – Editora Ser Mais. Possui mais de 800 horas de atendimento em coaching executivo, carreira e vida e desde 2015 propaga o Autocoaching como A Melhor Ferramenta de Autodesenvolvimento e um Estilo de Vida.

Para saber mais, acesse:

Site: www.bianobrega.com.br

YouTube: https://www.youtube.com/autocoaching

 

Carolina Lara


Postado em Artigo | Por

set 22

22 setembro 2020

No aniversário de Petrolina, Miguel diz que construirá um “Hospital da Criança”

 

O candidato à reeleição, Miguel Coelho (MDB), aproveitou o aniversário de 125 anos de Petrolina, nesta segunda (21), para revelar um dos projetos que pretende apresentar durante a campanha: a construção do Centro de Referência da Criança. O anúncio foi antecipado durante uma agenda do prefeito na área irrigada do município (N-4, N-3 e N-7).

O “Hospital da Criança” será, segundo Miguel, uma unidade municipal de referência em baixa complexidade voltada principalmente para a população infantil mais carente. “É um investimento necessário para que nossas crianças não precisem mais ser tratadas no Recife. Elas não vão mais ser separadas da família, vão ser cuidadas aqui, perto de casa e da gente”, garantiu Miguel.

O candidato ainda lembrou que, nos últimos quatro anos, a saúde da mulher foi priorizada, e destacou a entrega de equipamentos como o Centro de Parto Normal e o Centro de Referência de Saúde da Mulher, instalados para fortalecer a rede básica de Petrolina. “Poucos acreditaram que faríamos a Casa de Partos. E aí está o equipamento pronto, atendendo as mães de Petrolina. Agora, nosso compromisso é um centro de referência para nossas crianças”, defendeu o prefeito.

Ao longo do dia, Miguel continuou as homenagens à Petrolina com uma solenidade simbólica de hasteamento da bandeira, na Avenida Guararapes. O candidato também cumpriu agenda nos bairros José e Maria, Cohab VI e Alto do Cocar.

Assessoria de Imprensa de Miguel Coelho


Postado em Sertão | Por

set 22

22 setembro 2020

Governo de Pernambuco autoriza processo de retomada das aulas presenciais para o Ensino Médio, a partir de outubro

 Foto: Aluísio Moreira/SEI

Foto: Aluísio Moreira/SEI

 

Atividade, que será dividida em três etapas, recomeça pelo 3º ano, a partir do próximo dia 06 e será opcional para os estudantes

O Governo de Pernambuco, por meio da Secretaria Estadual de Educação e Esportes, anunciou, nesta segunda-feira (21), durante coletiva de imprensa, a autorização para retomada gradual das aulas presenciais para os alunos do Ensino Médio. Neste primeiro momento, está autorizado o retorno das turmas do 3º ano, previsto para 6 de outubro. No dia 13, as escolas poderão retomar as atividades com os estudantes do 2º ano e, no dia 20, poderão ser reiniciadas as aulas para os alunos do 1º ano, do Ensino Técnico Concomitante e Subsequente e da Educação de Jovens e Adultos. Para os estudantes, o retorno é opcional e, no caso de o aluno ser menor de idade, a decisão cabe aos pais ou responsáveis. As aulas remotas devem ser mantidas para atender a quem escolher essa opção, mas as escolas também têm a alternativa de ofertar o ensino híbrido, combinando os dois formatos de aula.

“De todas as decisões difíceis que precisamos tomar, desde o início da pandemia, o retorno às escolas foi a maior delas. Mesmo com indicadores da Covid-19 em queda consolidada desde o final de maio, só agora, com a média móvel de casos e óbitos, além das solicitações de leitos de UTI, no patamar equivalente ao do início de abril, autorizamos a retomada de aulas presenciais no Ensino Médio”, disse o governador Paulo Câmara, advertindo que a luta contra o novo coronavírus não acabou. “Inclusive, estamos acompanhando o que vem acontecendo nos países da Europa, com a chegada de novas ondas após uma aparente superação da pandemia. É necessário manter toda a atenção, porque ainda vivemos uma transição, e esta fase que chamamos de convivência não tem prazo determinado. Ainda dependemos de uma vacina, mas não podemos impedir o retorno gradual da vida, neste novo normal, até que isso aconteça. É preciso encarar essa realidade, mas com cautela e mantendo os cuidados”, reforçou.

As instituições precisam observar todas as normas estabelecidas no protocolo setorial da educação, respeitando as orientações sobre distanciamento social, as medidas de proteção e prevenção, bem como as de monitoramento e orientações. Entre as principais medidas previstas no protocolo estão o uso obrigatório de máscaras, distanciamento de 1,5 metro entre os estudantes e entre os equipamentos escolares – como as bancas e cadeiras – lavagem das mãos e uso do álcool em gel, orientações para todos nas escolas, monitoramento e testagem dos casos suspeitos e de seus contactantes.

Além disso, fica determinado que estudantes, professores e demais profissionais da escola com fatores de risco (idade, doenças crônicas ou gestação) não devem retornar caso não tenham se infectado anteriormente. A retomada prevê, ainda, que o plano da escola deve ser informado aos pais ou responsáveis, professores e demais colaboradores para que todos compreendam o processo de retorno. O protocolo também estabelece o monitoramento de casos suspeitos entre estudantes, professores e demais profissionais, com orientações sobre testagem, inclusive dos contactantes na escola e na família. Também está previsto o retorno gradual de acordo com os anos e modalidade de ensino.

O Comitê de Enfrentamento à Covid-19, coordenado pela Secretaria de Saúde do Estado, analisou o contexto de reabertura de escolas com bons resultados obtidos em diversos países. “A decisão final foi tomada após análise dos números da pandemia no Estado e das experiências de alguns países, que já retomaram suas aulas durante este período e apresentaram bons resultados. Mas é importante reforçar que o retorno neste momento é apenas para o Ensino Médio, e acontece em caráter opcional, ficando a critério dos pais ou responsáveis decidirem se os estudantes voltam ou não para as aulas presenciais. O Comitê de Enfrentamento à Covid-19 continuará monitorando os dados da pandemia e, se necessário, a evolução das etapas de retomada poderá ser reconsiderada. A decisão é pautada na importância da educação para o desenvolvimento do Estado como um todo”, afirmou o secretário de Educação e Esportes, Fred Amancio.

O secretário de Planejamento e Gestão, Alexandre Rebêlo, destacou a queda em três indicadores importantes para a decisão da retomada das aulas presenciais: número de casos, número de óbitos e demanda por UTI. “Os índices têm reduzido desde junho, e em setembro, a tendência continua. Ou seja, é o quarto mês de redução consecutivo”, destacou. Os casos da doença em Pernambuco começaram a chamar atenção em março e cresceram em abril e maio, somente registrando queda em junho. O Governo do Estado também anunciou a liberação das competições de modalidade coletiva envolvendo atletas federados, a partir de amanhã.

A Secretaria de Educação de Pernambuco, em parceria com a Secretaria de Saúde, também terá um centro de testagem da Covid-19 voltada para os professores e demais profissionais da rede estadual de ensino. A estrutura começa a funcionar em outubro com a retomada das aulas presenciais nas escolas, na sede do órgão estadual, no bairro da Várzea, no Recife, das 7h às 15h. Os testes serão realizados mediante agendamento.

 

ASCOM


Postado em Notícias | Por