out 6

6 outubro 2020

Pelos no nariz: descubra os riscos e vantagens dos métodos mais comuns na hora de apará-los

 

Esqueça a pinça e cuidado com a tesoura! Especialista da rede Pello Menos ensina os melhores métodos para eliminar os pelos que crescem para fora da narina

As cílias, nome técnico dos pelos dentro das narinas, são essenciais para a nossa saúde, pois servem para proteger as vias respiratórias e, consequentemente, evitar que germes, bactérias e até mesmo detritos cheguem ao pulmão. O problema ocorre quando acontece a hipertricose, ou seja, o crescimento excessivo dos pelos, que podem incomodar, causar coceiras, espirros e, para muitos, ser até esteticamente um incômodo, já que é possível vê-los para fora do nariz.

Embora mais comum com o avanço da idade, é normal que homens e mulheres se sintam desconfortáveis e busquem métodos de removê-lo, o que exige cautela e cuidados, já que uma depilação mal feita nessa área pode comprometer seriamente a saúde como um todo. “Para aqueles que desejam recorrer à depilação no nariz, é necessário conhecer os métodos mais comuns e indicados sem que o organismo fique suscetível às ameaças”, explica Regina Jordão, fundadora e CEO do Pello Menos, rede especializada em depilação à cera.

Para ajudar nessa tarefa, a executiva lista abaixo alguns cuidados que se deve ter antes de escolher um dos métodos.

Pinça

Não é, nem de longe, um método recomendado, pois são grandes os riscos de se machucar e eliminar os pelos pela raiz, reduzindo, assim, as chances de defesa do organismo contra agentes externos. “Cuidado com a pinça, pois como é um instrumento com ponta, pode lesionar a narina facilmente se não for precisa na hora de puxar o pelo. Além do mais, pode deixar a pessoa exposta a contaminantes sem necessidade”, destaca Regina.

Tesouras

Existem tesouras fabricadas especialmente para depilação do nariz, que possuem pontas mais delicadas que permite uma retirada menos agressiva dos pelos. “Mas atenção, nada de recorrer aquelas direcionadas para unhas e cabelos, viu? Estas possuem pontas afiadas que podem ferir suas narinas”, ressalta a executiva.

Cera

A aplicação do produto acontece por meio de um palito, que é inserido nas regiões mais externas da narina. Os pelos que aderirem à cera, são eliminados quando o palito for retirado. “Aqui vale um alerta: cuidado na hora de escolher o local para este procedimento. Faça com alguém de confiança. O ideal é que o especialista remova os pelos da entrada da cavidade nasal e uma faixa na parte de fora, eliminando apenas o necessário”, completa.

Aparelhos elétricos

Os aparelhos elétricos têm acessórios que, acoplados, eliminam os pelos do rosto. Eles irão cumprir a função de aparar aqueles pelos do nariz com maior praticidade e de forma mais rápida, porém é preciso uma atenção especial com este equipamento. “Evite inseri-lo muito profundamente nas narinas para que não faça a retirada dos pelos que são fundamentais para manter seu organismo protegido”, diz Jordão. “Posicione-o na entrada da narina, tendo cuidado para retirar apenas aqueles que estão mais aparentes, nada mais que isso”, finaliza.

SOBRE A REDE PELLO MENOS

Da história de ousadia da ‘mulher de mil e uma tarefas’ nasceu o Pello Menos, uma empresa especializada em depilação à cera que utiliza um produto desenvolvido exclusivamente para a rede, capaz de minimizar as dores do processo depilatório. Em um espaço aconchegante e com profissionais capacitadas, a rede tem como padrão oferecer um kit individual antes de cada sessão, além de ser a única deste segmento a oferecer um plano de assinatura com descontos fixos mensalmente. Através do site e redes sociais, é possível ter acesso exclusivo aos serviços e promoções.  Atualmente, conta com mais de 50 unidades, nas cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília. Informações: www.pellomenos.com.br

INFORME PUBLICITÁRIO

ASCOM


Postado em Artigo | Por

out 6

6 outubro 2020

Governo do Estado vai recorrer da determinação de suspensão das aulas

Protocolo para retomada do ensino presencial foi definido com a participação de infectologistas e mais de R$ 5 milhões foram investidos na preparação das escolas
Há quatro meses, o Governo de Pernambuco vem colocando em prática o Plano de Convivência com a Covid-19. São mais de 120 dias de uma retomada gradual e responsável das atividades econômicas e sociais sem que ocorra aumento do número de casos e de mortes provocadas pela doença.
Todas as atividades autorizadas a voltar a funcionar precisam obedecer a protocolos e estão sujeitas à fiscalização de órgãos como o Procon, a Vigilância Sanitária e a Polícia Militar.
Com a Educação, os cuidados estão sendo anda mais rigorosos em todos os aspectos. Apenas os estudantes do Ensino Médio (jovens e adolescentes) estão incluídos na primeira etapa da retomada das aulas presenciais e a volta às escolas permanece como uma opção. Esta retomada foi planejada para ocorrer em etapas e esta semana apenas para o 3º ano do Ensino Médio. O ensino remoto continua disponível para aqueles estudantes cujos pais decidam por sua permanência em casa. 
A Secretaria de Educação investiu R$ 5 milhões na adaptação das escolas ao protocolo de segurança sanitária e realizou reuniões com professores, Ministério Público, Poder Judiciário e Tribunal de Contas, além de especialistas em Infectologia, Saúde Pública e outras instituições para estabelecer os critérios de retomada das aulas presenciais.
Também foi inaugurado, hoje, um centro de testagem exclusivo para professores, demais profissionais da Educação e suas famílias na sede da Secretaria de Educação, na Várzea.
Nessa semana, os números da Covid-19 no Estado são os mais baixos registrados desde a primeira quinzena de abril.
Não se revela razoável condicionar o retorno gradual das aulas a uma fiscalização prévia, exclusivamente pelo Governo do Estado, de todas as 758 unidades de ensino públicas e de todas as particulares. A verificação do atendimento aos protocolos deve ocorrer com as unidades de ensino em funcionamento, aplicando-se as sanções cabíveis em caso de descumprimento das regras sanitárias, tal como planejado e executado para todas as atividades reiniciadas após a implantação do Plano de Convivência.
Sem contar que, ao final desse trabalho de fiscalização prévia, nada garantiria que as primeiras unidades visitadas estariam mantendo a obediência ao protocolo. Mesmo antes da pandemia, escolas são os equipamentos públicos mais fiscalizados que existem. Pais, professores, funcionários e os próprios alunos desempenham essa função cotidianamente e os órgãos de controle estão prontos para averiguar todas as denúncias.
Importante destacar que o dia de hoje nas escolas da rede pública estadual por todo o Estado foi um dia de reencontro, satisfação pelo retorno à escola, alegria e muita emoção, por todos que estiveram nas escolas, gestores, professores, estudantes e famílias, e que comprovaram a preparação das unidades e a preocupação com os estudantes. 
Por fim, cabe informar que a Procuradoria-Geral do Estado vai recorrer da decisão que suspendeu as aulas, com o objetivo de garantir a retomada gradual do ensino presencial em Pernambuco.

ASCOM


Postado em Notícias | Por

out 5

5 outubro 2020

Deputado federal Gonzaga Patriota lembra os 32 anos da Constituição Federal 

Image by JoeBamz from Pixabay

 

O deputado federal Gonzaga Patriota (PSB) usou suas redes sociais, nesta segunda-feira (05), para lembrar a histórica sessão solene do Congresso Nacional em que foi promulgada a atual Constituição da República Federativa do Brasil, no dia 5 de outubro de 1988. O socialista pernambucano foi um dos parlamentares em exercício que atuou durante a Constituinte e destaca as conquistas contidas na Carta Magna. Uma delas foi a inclusão da aposentadoria para homens e mulheres do campo – proposta de sua autoria.

“Na época, acrescentei a proposta da aposentadoria para homens e mulheres do campo, que encontrou resistência entre os parlamentares, que não visualizavam como o país poderia arcar com tamanho custo, mas consegui incluí-la na Constituição. Hoje, a maior distribuição de renda do país é feita através das aposentadorias de homens e mulheres do campo. A Constituição Cidadã é o principal símbolo do processo de redemocratização nacional e foi promulgada pelo deputado e presidente da Assembleia Nacional Constituinte, Ulysses Guimarães e significou o fim dos 21 anos de ditadura militar e a recuperação da plena democracia no Brasil, contou.

História

Promulgada em 5 de outubro de 1988, a “Constituição Cidadã” tornou-se símbolo do processo de redemocratização nacional – foi discutida e votada de fevereiro de 1987 a setembro de 1988 pelos 559 parlamentares constituintes (72 senadores e 487 deputados federais), com a participação intensa da sociedade.  O texto, que é resultado do trabalho de 8 comissões temáticas e 24 subcomissões, é considerado um dos maiores marcos desde o fim da ditadura militar (1964-1985) e estabeleceu diversas garantias e direitos considerados fundamentais.

Deputado Federal Gonzaga Patriota
Assessoria de imprensa

Postado em Política | Por

out 5

5 outubro 2020

Pressa: inimiga da dieta perfeita

Perder peso rápido e sem acompanhamento é garantia de reencontrar os quilinhos com a mesma velocidade

A pressa é sempre inimiga da perfeição. E mais quando o assunto é emagrecer – e manter o peso ideal tão duramente conquistado. Os apressadinhos cometem alguns erros básicos em busca dos resultados instantâneos. Coisas como beber álcool para enganar a fome e comer depressa para se livrar logo daquilo.

“As bebidas muitas vezes engordam mais que a comida, além de não trazer os benefícios do alimento. E ao comer rápido não temos tempo para sentir saciedade e acabamos comendo mais”, explica a médica Yara Dantas, especialista em Nutrologia.

Outros erros comuns são ficar muito tempo sem comer ou fazer dietas muito restritivas, por exemplo. O resultado até pode aparecer a curto prazo, mas ele não se manterá, sem falar nos prejuízos para o organismo.

“Nada substitui uma dieta planejada com o auxílio de um profissional, que vai estudar as características de cada pessoa, seu metabolismo e objetivos. Sem pressa. Mas com resultados garantido, saudáveis e permanentes. Obesidade é uma doença e o maior fator de risco para o Covid depois da idade”, explica a doutora Yara.

Fotos: carla Josephyne

ASCOM


Postado em Artigo | Por

out 5

5 outubro 2020

Miguel Coelho: “o resultado das pesquisas nos orgulha, mas é hora de humildade e trabalho”

Duas pesquisas divulgadas, nesta segunda-feira (05), colocam o candidato à reeleição, Miguel Coelho (MDB), com ampla liderança na disputa para prefeito de Petrolina. Segundo o Instituto Ipespe, o atual gestor tem 71% de intenções de voto e uma aprovação de 95% de seu primeiro governo. Já de acordo com a avaliação da Múltipla, Miguel lidera com 66,8% a corrida eleitoral na cidade sertaneja contra 10,5% do segundo colocado.

O resultado foi comemorado pelo candidato do MDB como um reconhecimento do trabalho realizado nos últimos anos em Petrolina. Porém, mesmo com a avassaladora avaliação positiva, Miguel garante que sua campanha manterá o foco no trabalho com humildade. “Já são três pesquisas confirmando o que vemos nas ruas. O povo de Petrolina está satisfeito e orgulhoso com o que vem ocorrendo na cidade. Somos líderes em vários indicadores de gestão, educação, saúde, social, infraestrutura. No entanto, pesquisa não dá voto. O resultado das pesquisas nos orgulha, mas é hora de humildade e trabalho“, avalia o prefeito.

Miguel acrescenta que, ao invés de se acomodar, vai aumentar o ritmo da campanha. “Vamos percorrer o máximo de bairros, conversar com a população. Não é hora de comemorar, é o momento de prestar contas e, principalmente, apresentar tudo o que desejamos fazer nos próximos quatro anos. Portanto, quem achar que vamos entrar em clima de já ganhou, está imensamente enganado. Nós vamos multiplicar os esforços para levar nossa mensagem de esperança para o povo de Petrolina“, assegura Miguel.

Assessoria de Imprensa de Miguel Coelho


Postado em Política | Por