set 14

14 setembro 2015

Sefaz-PE notifica optantes do Simples Nacional com irregularidades

Contribuintes em desconformidade com as regras do regime compartilhado de arrecadação podem ter suas inscrições estaduais bloqueadas

A Secretaria da Fazenda de Pernambuco (Sefaz-PE) está passando um pente fino em sua base de contribuintes optantes do Simples Nacional em busca de irregularidades. As microempresas, empresas de pequeno porte e microempreendedores individuais que se encontram em desconformidade com as regras do regime compartilhado de arrecadação serão notificadas e terão 30 dias para regularizarem-se, do contrário terão suas inscrições estaduais bloqueadas.


Publicidade



Os optantes do Simples Nacional representam 85% dos cerca de 246 mil contribuintes da Fazenda Estadual. Até agora, já foram identificadas seis mil empresas em situação irregular que serão notificadas e poderão ter suas inscrições estaduais bloqueadas. Caso isso ocorra, elas ficam impedidas de operar uma vez que não poderão emitir nota fiscal eletrônica (NF-e) nem receber mercadorias.

O bloqueio das inscrições estaduais de contribuintes em situação de irregularidade está previsto no artigo 8º, inciso IX, da portaria nº 140/2013 da Sefaz-PE. Segundo o diretor geral de Planejamento da Ação Fiscal da Sefaz-PE, Abílio Xavier, não é preciso esperar a notificação para sanar as pendências.

Diretoria-de-Comunicação


Postado em Notícias | Por

set 14

14 setembro 2015

Porto do Recife volta a abastecer navios com água da Compesa

Após 20 anos, ancoradouro recifense fornece água da Compesa para embarcações

Os navios de bandeiras nacional e internacional que atracam no Porto do Recife voltaram a ser abastecidos pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa). O retorno do fornecimento de água é fruto de uma parceria entre a Compesa e o Porto do Recife que investiram na modernização de seus sistemas de distribuição e armazenamento, respectivamente, a fim de atender aos padrões técnicos e de qualidade internacionais. O veleiro Cisne Branco, da Marinha do Brasil, atracado no Porto do Recife desde o dia 12 até 16 de setembro, será abastecido com água fornecida pela Compesa na próxima terça-feira (15). A operação vai ser realizada às 15h.

A Compesa havia deixado de fornecer água aos navios numa época em que o abastecimento no Bairro do Recife ficava aquém das necessidades do terminal portuário e das embarcações, com um rodízio de um dia com água para nove sem água. No entanto, graças aos investimentos feitos no saneamento nos últimos anos, foi possível mudar essa realidade. O primeiro deles foi a conclusão do Sistema Pirapama, que permitiu um aumento de 50% na oferta de água da RMR e o projeto de modernização da rede de distribuição do Bairro do Recife, um investimento de R$ 2,5 milhões que se somam aos R$ 600 milhões aplicados em Pirapama.

Desde dezembro de 2011, com o início da operação do Sistema Pirapama, houve um incremento da oferta de água para a área plana do Recife, o que engloba o centro antigo da cidade e a região portuária. Além disso, a Compesa concluiu a primeira etapa do projeto de setorização no bairro. Trata-se da modernização e adequação da rede de distribuição, o que inclui troca de tubulações, minimizando os riscos de vazamentos, e maior controle de vazão, aumentando a confiabilidade do sistema. “Com esses dois investimentos, demos um salto na qualidade do nosso serviço no Bairro do Recife, o que nos credenciou para retomar o contrato com o porto da cidade”, rememorou o presidente da Compesa, Roberto Tavares.

Para que os navios voltassem a receber água da Compesa, o Porto do Recife precisou fazer ajustes em seu sistema interno de armazenamento e distribuição, seguindo normas pré-estabelecidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Com a consultoria e o apoio técnico da Compesa, foram instalados três novos dosadores de cloro nos dois reservatórios internos do porto, de onde sai a água para o prédio administrativo e para os 12 hidrantes instalados em pontos estratégicos nos cais de atracação.

Os dosadores garantem que o nível de cloro da água que chega ao navio permaneça igual ao da rede de distribuição da Compesa. Esse reforço é importante porque, como a água precisa percorrer um longo caminho entre a rede e o cais, sob altas temperaturas, poderia haver perda de cloro por evaporação dentro da tubulação. “Tomamos todas as precauções a fim de garantir não apenas o fornecimento contínuo, mas um produto de qualidade com a garantia da Compesa”, enfatizou Olavo de Andrade Lima, presidente do Porto do Recife.

Para manusear os dosadores e realizar a manutenção desses equipamentos, a Compesa capacitou um corpo técnico do Porto do Recife. Os primeiros testes para averiguar a qualidade do abastecimento começaram em março deste ano, havendo, agora, plenas condições para dar início a esse atendimento.

Porto do Recife

Coordenadoria de Comunicação e Imprensa do Porto do Recife

Manuela Leimig | Coordenadora de Comunicação e Imprensa

 


Postado em Notícias | Por

set 14

14 setembro 2015

Toca do Vale e Harry Estigado serão atrações de hoje na festa da Vila Delmiro em Belmonte

tocadovale

A Vila Delmiro, maior bairro de São José do Belmonte festeja sua padroeira Nossa Senhora das Dores.

Com realização do Governo Marcelo Pereira, a programação festiva que ontem apresentou os shows de Edgar e Edvânia Ferraz, Matheus Fernandes e Luan Estilizado, anuncia para hoje dia 14 as apresentações de Cicinho Thomas e Adriano Reis, Harry Estigado e Toca do Vale.

Amanhã com a atração religiosa  da Banda Arkanjos, a festa da Vila será encerrada.

Do Rádio Vivo com Anchieta Santos


Postado em Sertão | Por

set 14

14 setembro 2015

IEL/PE discute a crise como oportunidade de crescimento

No dia 17, encontro gratuito em Petrolina vai discutir formas de fortalecer empresas em meio à precária conjuntura econômica

Qual a solução para sair da crise? Como ficar forte para enfrentar as turbulências da economia? Para apontar caminhos a essas questões, o IEL/PE realiza em Petrolina, no dia 17 de setembro, a terceira edição do programa Diálogos para o Futuro com o tema Como Construir uma empresa forte? Crise é Oportunidade. Voltado para empresários, gestores, supervisores e profissionais afins, o encontro ocorre na sede da Fiepe (Av. 31 de Março, s/n°, Centro).

Direcionado a interessados de Petrolina e Juazeiro, o evento contará com presença de representantes das empresas Sanvale, Gypsum Drywall e Grupo Master Magazine para discutir o tema. A mediação será de Eduardo Fayet, Gerente da Unidade de Parcerias Empresariais do IEL Nacional.

A gestora da Unidade de Apoio à Competitividade do IEL/PE, Gelisa Couto, lembra que, em chinês, a palavra “crise” significa perigo e, ao mesmo tempo, oportunidade. “Isso mostra como eles entendem os cenários problemáticos e é essa visão que queremos passar aos empresários de Petrolina”, explica.

Interessados devem se inscrever por telefone ou email nos contatos petrolina@ielpe.org.br, mcoelho@ielpe.org.br ou por telefone: (87) 3861-8433/ (87) 99948-0018.

SOBRE A INICIATIVA – O “Diálogos para o Futuro” é um programa de palestras promovido pelo IEL/PE que visa disseminar conteúdos sobre profissionalização, negócios e mercado de trabalho. Em atuação desde 2013, o projeto promove palestras para empresários e estudantes sobre temas valiosos para aprimorar o desempenho de instituições e de profissionais, melhorando a performance de mercado das empresas pernambucanas.

 

SERVIÇO:

Palestra do projeto “Diálogos para o Futuro”

Tema: “Como Construir uma empresa forte? Crise é Oportunidade”

Quando: 17 de setembro de 2015, quinta-feira

Onde: Sede da Fiepe/IEL (Av. 31 de Março, s/n°, Centro)

Horário: a partir das 18h30

Mais informações e inscrições: petrolina@ielpe.org.br, mcoelho@ielpe.org.br ou por telefone: (87) 3861-8433/ (87) 99948-0018.

Assessoria de Imprensa Igor Gomes


Postado em Sertão | Por

set 14

14 setembro 2015

Condição de trabalho irregular nas academias expõe trabalhadores e população

O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Pernambuco realiza audiência coletiva para discutir as condições de trabalho dos educadores físicos nas academias de ginástica do município de Caruaru. Em procedimento, o órgão verificou uma série de fraudes trabalhistas nos estabelecimentos. A maioria delas, sendo resultado de burla à legislação que trata do exercício profissional por pessoa devidamente habilitada. O evento acontece no dia 14 de setembro, às 14h, no auditório da Gerência Regional do Trabalho e Emprego (GRTE) de Caruaru.

De acordo com o procurador à frente do caso, José Adilson Pereira da Costa, as principais irregularidades trabalhistas encontradas nas academias são a descaracterização da relação de emprego, por meio de contratos de prestação de serviços e autônomos, e o desvirtuamento de estágio, utilizado como forma de baratear a mão de obra. Para além dos problemas trabalhistas, o MPT, embora não tenha competência para atuar, preocupa-se com os riscos que a prática irregular também gera para a população.

Cerca de 100 academias da cidade foram convocadas a participar da audiência, assim como o Conselho Regional de Educação Física (CREF) da 12ª Região, responsável pela atividade nos estados de Pernambuco e Alagoas; o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE); a Vigilância Sanitária; e as faculdades que oferecem o curso de Educação Física na localidade: Faculdade Associação Caruaruense de Ensino Superior (ASCES) e Faculdade Vale do Ipojuca (UNIFAVIP).

Ministério Público do Trabalho em Pernambuco
Assessoria de Comunicação
Mariana Banja | Kamilla Rogge | Selassié Andrade


Postado em Notícias | Por