Publicidade


Visitas são suspensas em unidade da Funase de Arcoverde e retomadas nas de outras regiões do estado e em presídios

16 jun 2021|Postado em:Sertão


Publicidade

 

Visitas são suspensas em unidade da Funase de Arcoverde e retomadas nas de outras regiões do estado e em presídios

Unidade da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) de Arcoverde, no Sertão do estado — Foto: Divulgação/Funase

Encontros com parentes foram suspensos em parte das unidades que abrigam adolescentes e no sistema prisional em 26 de maio, devido ao decreto com restrições para evitar o contágio da Covid-19.

O governo de Pernambuco suspendeu a visitação de parentes a internos na unidade da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) de Arcoverde, no Sertão do estado, cidade que entrou em quarentena na segunda (14). Já nas de outras regiões do estado e em presídios e cadeias, as visitas são retomadas a partir da quarta-feria (16) diante da flexibilização das atividades.

Os encontros de familiares com socioeducandos do Grande Recife, Zona da Mata e do Agreste, bem como os com detentos em presídios e cadeias de todo o estado, estavam suspensos desde o dia 26 de maio devido ao avanço da Covid-19 no estado.

De acordo com a Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), o calendário de encontros deste mês de junho deve seguir em continuidade ao cronograma de visitação que já havia sido estabelecido com as famílias. A medida é para que não haja prejuízo na visita de parentes que já estavam na fila.


Publicidade



“Todos só poderão entrar nas unidades com máscaras e com álcool em gel. Serão mantidos os distanciamentos entre as pessoas privadas de liberdade e seu familiar, será permitido apenas uma pessoa da família a cada 15 dias, por um período de três horas”, explicou por meio de pronunciamento em vídeo o secretário da Justiça do estado, Pedro Eurico.

Não podem participar das visitações crianças, gestantes ou pessoas com idade acima de 60 anos. De acordo com a Seres, apenas um visitante é permitido para cada pessoa privada de liberdade.

Ainda segundo a secretaria, vagas para visitas virtuais seguem sendo ofertadas nas 23 unidades prisionais do estado. Os encontros acontecem pela internet de segunda a sexta-feira. De acordo com a Seres, já foram 60.130 encontros feitos dessa maneira.

As visitas de parentes a internos nas unidades da Funase seguem as mesmas regras que as dos presídios: apenas um visitante, que deve cumprir os protocolos que preveem o uso de máscaras, higienização das mãos e distanciamento social.

O Case/Cenip de Arcoverde, no Sertão, é a única unidade da fundação com suspensão dos encontros. A medida vale ao menos até o dia 20 de junho, prazo da quarentena rigorosa no município.

Fonte: G1 PE

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*