Publicidade


Grupos de Mulheres participam de intercâmbio em Petrolina

30 maio 2016|Postado em:Sertão

IMG-20160527-WA0034

Informações e fotos: Guilherme Silva, Técnico de Campo e Santina Tereza, Tesoureira da Cáritas Diocesana de Pesqueira

Nos dias 26, 27 e 28 representantes dos Grupos de Mulheres assessorados pela Cáritas Diocesana de Pesqueira estiveram na cidade de Petrolina para vivenciar uma ótima experiência no Assentamento Mandacaru. O primeiro dia, as mulheres foram muito bem acolhidas e acomodadas.

No segundo dia, inicia o intercâmbio, mas antes, é realizado o momento de mística e espiritualidade conduzido pela tesoureira da Cáritas Diocesana de Pesqueira, Santina Tereza. Logo após, os grupos visitaram um parreiral de uva orgânica, onde puderam aprender todo o manejo do solo para ter bons resultados na colheita, sendo assim, podendo colher um fruto de primeira qualidade e sem insumos químicos.

IMG-20160527-WA0008Também fizeram a visita em uma horta totalmente orgânica, elas aprendem como fazer consórcios de culturas, para que serve e quais os benefícios eles trazem ao solo, tendo em vista que é essencial o descanso do solo após ter passado por várias culturas, pois só assim ele pode fazer novos plantios. Além disto, os grupos viram armadilhas usando defensivos naturais para combater pulgões, moscas e outros tipos de pragas e doenças.

Colocando a mão na massa, as mulheres tiveram a oportunidade de fazer o doce da casca de melancia, e também aprenderam todo o processo de limpeza dos alimentos, desde a entrada até a saída dos produtos para a sua comercialização.

Para finalizar o dia repleto de atividades, os grupos tiveram o prazer de participar da Feira Internacional da Agricultura (Fenagri), junto com o Assentamento Mandacaru, que por sua vez ganhou destaque com seus doces xique-xique e o de casca de melância, e também o seu artesanato. O grupo Mulheres de Renda, da cidade de Poção também aproveitou o momento para expor os seus produtos.

O segundo e último dia de intercâmbio, as mulheres visitaram o Rio São Francisco, um momento não apenas de turismo, mas também para conhecer a tamanha importância do “Velho Chico” para o nosso país e para o exterior. Após isto, também conheceram a Ilha do Rodeadouro, onde realizaram um momento de mística e a avaliação final sobre o intercâmbio.

Rosanny Barreto

Assessoria de Imprensa

1 Comentário

  1. Ana Clara
    25 de abril de 2017

    Leave a Reply

    Sabe, egoísmo acabei brigando bem através de meus
    meio já que eles não queriam que consciência emagrcesse, até atualidade consciência nunca sei se estação por agonia de outro modo contudo por aperto (minha familia no entanto
    a gordinhos).

Deixar uma resposta


You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*